Wikcionário Discussão:Arquivo/WC/Projetos/Categorias

Origem: Wikcionário, o dicionário livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Discussão[editar]





49ª Forma de substantivo vs Substantivo

Gostaria de lhes dizer que eliminar a Forma de substantivo leva apenas à perda. Criei essa categoria inicialmente para o islandês (em que cada substantivo tem 16 formas, categorizá-las todas como "substantivos" levaria a erro estatístico tremendo: apesar da impressão de haver muitos verbetes, haveria de fato muito menos). É usada para armazenar verbetes das formas flexionadas dos substantivos, apenas (vale frisar que um sistema semelhante é presente também no wikcionário em inglês e, em menor escala, no wikcionário em catalão). Em português, a princípio, deve ser usada para armazenar plurais e femininos (o que é particularmente útil em termos de categorias mais organizadas e estatísticas mais precisas). Com uma idéia semelhante, idealizaram-se a Forma de Adjetivo e a Forma Verbal. Lipefala! 22h14min de 12 de novembro de 2007 (UTC)[Responder]

Eu também não sou a favor de eliminar as categorias Formas de.... Já expus minha opinião na área de discussão da categoria "forma de adjetivo de latim". Concordo com o Lipe que eliminar as categorias Forma de... levaria a uma perda. --Valdir Jorge fala! Canadá 01h16min de 13 de novembro de 2007 (UTC)[Responder]
ValJor: Tudo bem. Como já disse, neste projecto, a decisão é sua.
LipeFontoura: Gostei de ver que uma dada categoria «é usada para armazenar verbetes». Eu costumo dizer que as categorias servem apenas para a criação de listagens de acordo com necessidades que se considere ser conveniente produzir e entra-se em campos subjectivos onde tudo pode estar bem ou não estar. Este projecto serve apenas para eliminar categorias onde o "não estar bem" não seja fortemente contestado. Vou aprofundar o que penso sobras formas, erros estatísticos, e excessos de verbetes na esplanada.
Diabo e Santo
A única coisa que talvez deva ser padronizada é a questão das letras da classe gramatical serem maiúsculas ou minúsculas: nas categorias que eu criei a princípio, o título era "Forma de substantivo" (com o "s" minúsculo, o que acho ser mais apropriado, logo que a classe gramatical não representa um nome próprio), como em Forma de substantivo (Português) e em Forma de substantivo (Islandês). Porém, uma boa parte das categorias criadas subsequentemente (não por mim) apresentam título "Forma de Substantivo" (com o "s" maiúsculo), como em Forma de Substantivo (Francês) ou Forma de Substantivo (Latim). Lipefala! 15h28min de 13 de novembro de 2007 (UTC)[Responder]

EusBarbosa e ValJor ( #20ª Categoria:Roupa vs Categoria:Vestuário)
Em português, até compreendo que haja uma listagem do vestuário, mas que essa mesma listagem (total ou parcialmente) se repita por todos os idiomas não consigo ver quais são as vantagens quando qualquer verbete em português deve ter a secção "Tradução" onde, peça a peça, se pode ficar a saber como se diz noutras línguas. Por outro lado, temos ainda um velho problema por normalizar: as diferenças de significados em pt e br. Mas, o que estava, e está, em causa é se devemos manter as duas categorias ou não? Diabo e Santo
Bem, não tenho uma posição definida sobre o assunto. Por isso que falei para deixar para discutir mais tarde. Se tivermos que eliminar, eliminamos Roupa, que é mais restrito. Mas prefiro esperar pelo Eustáquio, antes de prosseguirmos com este ponto. --Valdir Jorge fala! Canadá 20h11min de 7 de novembro de 2007 (UTC)[Responder]

19ª Categoria:Língua vs Categoria:Idioma - ValJor. Parece-me que aqui, na categorização existente, não se deve nesta altura substituir "Língua" por "Idioma" por o problema ser de outra natureza fora do âmbito desta tarefa. Gostaria de saber a sua opinião sobre este assunto.
Olá D&S!
Concordo. E digo mais: em qualquer momento que você sentir que alguma coisa está pegando ou que alguma dupla de categorias apresenta uma situação complicada na qual poderíamos tomar uma decisão errada, penso que você deveria indicar isso e deixar anotado para que voltemos à questão mais tarde, quando já tivermos feito a primeira passada do saneamento das categorias.
--Valdir Jorge fala! Canadá 03h41min de 5 de novembro de 2007 (UTC)[Responder]
OK. Estamos a guardar as questões e os comentários que irão ser úteis para mais tarde serem revistas.Diabo e Santo

ValJor. Mudar uma categoria para outra não é difícil, mas gostaria que desse uma olhadela ao trabalho depois de executado para rectificar qualquer coisa que possa existir nas subcategorias e nas subsubcategorias em contradição com o sistema actual. Pode ser? Diabo e Santo

Olá D&S!
Ok, darei uma olhada então nas categorias já executadas e consertarei o que tiver que ser consertado nas subcategorias.
--Valdir Jorge fala! Canadá 00h56min de 30 de outubro de 2007 (UTC)[Responder]

5ª questão - peço-lhe, ValJor, que não dê demasiada importância ao número de artigos que cada categoria tem -- aquilo que interessa mesmo é ficarmos com a categoria mais adequada (na sua opinião) onde há duas. Temos todo o tempo do mundo para trabalharmos nesta tarefa. Diabo e Santo

Olá D&S!
Ok, vou considerar isso nas próximas decisões. Obrigado
--Valdir Jorge fala! Canadá 17h02min de 26 de outubro de 2007 (UTC)[Responder]

Categorizar os artigos redireccionados será uma prática aconselhável? (v.g.: aceite de hígado de bacalao; «Categorias: Locução Substantiva (Espanhol) | Medicina (Espanhol) | Nutrição (Espanhol)») Diabo e Santo

Eu diria que não. Se está sendo redirecionado, não deveria ser categorizado. Deve-se lembrar que se alguém clicar num link desses, vai direto para a página redirecionada, não pára na redirecionante. Portanto, colocar categorias nesta é inútil. --Valdir Jorge fala! Canadá 01h13min de 20 de outubro de 2007 (UTC)[Responder]
OK ValJor. De qualquer modo também está em jogo o método mais aconselhável da criação de artigos de "frases idiomáticas" sejam elas locuções ou não - assunto fora desta tarefa. Diabo e Santo

Novo pedido de ajuda (tenham paciência comigo) - não estou a entender nada sobre estes tipos de categorias [[Categoria:Alimento|checo]]; [[Categoria:Checo|Alimento]]. É viável substituir apenas alimento por alimentação? O ideal, na minha opinião, seria o termo alimento deixar de aparecer na "Árvore de categorias". Diabo e Santo

Alguns contribuidores usam o "pipe" (desculpe-me, não sei o nome oficial em português; é essa barra em pé) no momento de categorizar para forçar a classificação do verbete (ou da categoria) na categoria de cima de uma maneira diferente daquela que seria a habitual do sistema.
Penso que podemos eliminar isso das categorias que estamos saneando.
--Valdir Jorge fala! Canadá 18h19min de 19 de outubro de 2007 (UTC)[Responder]
Ficou resolvido porque alguém retirou os ditos "pipes" Diabo e Santo

Preciso de ajuda - perdi-me a mudar a categoria deste artigo ወተት e já não sei o que fiz ou não fiz.

Olá D&S. Segundo o histórico do verbete você mudou a categoria de Alimento para Alimentação, parece que está tudo certo. Só falta criar a categoria mesmo. --Valdir Jorge fala! Canadá 19h31min de 17 de outubro de 2007 (UTC)[Responder]

Dois em um - Este método ({{escopoCatLang|Alimentação|en}}) tem a consequência de, quando se altera o escopo altera-se a categoria e quando se altera a categoria o escopo é também alterado. Vamos todos reflectir neste método/vantagens/desvantagens e se for necessário discuti-lo a discussão não deverá ser feita aqui. Diabo e Santo
Penso que a discussão deve ser feita na página de discussão dessa predefinição. --Valdir Jorge fala! Canadá 19h31min de 17 de outubro de 2007 (UTC)[Responder]

Citação: Valdir Jorge escreveu: «Só gostaria de propor uma coisa: se nós chegarmos a um impasse em qualquer dos pontos (digamos, um quer deletar uma categoria e o outro se opõe), deveríamos "pular" esse problema e continuar em frente. Deixaríamos anotado na página do projeto que não houve unanimidade e voltaríamos à questão mais tarde. O que acha?»
  • Uma virtude deste modelo de actuação é que não vai haver impasses; a decisão é do Valdir Jorge e ponto final. Diabo e Santo
Citação: EusBarbosa escreveu: « Todos estarão certos e errados ao mesmo tempo. »
  • Eu admito, Valdir Jorge, que hoje tome uma decisão e que para a semana tenha outra; quando esta tarefa da redução das categorias terminar, depois se pensará nos nomes com que as categorias irão ficar, mas isso terá que ser feito com a metodologia habitual e votação da comunidade. Diabo e Santo
  • Isto não impede que não deixemos aqui as nossas opiniões que o Valdir Jorge utilizará como achar melhor Diabo e Santo

Citação: Valdir Jorge escreveu: «Penso que deveria chamar-se Wikcionário:Projetos/Categorias (com um "s" a mais), uma vez que já temos Wikcionário:Projetos e embaixo dele Wikcionário:Projetos/Países e Wikcionário:Projetos/Gentílicos.»
  • OK. Vou acrescentar o «s». Durante um ou dois dias os dois nomes poderão coexistir Diabo e Santo

Temos categorias demais? Comparação com outros wikcionários[editar]

Por curiosidade resolvi ver quantas categorias outros wikcionários têm. Como a lista dos maiores wikcionários não estava funcionando, escolhi alguns aleatoriamente. Proporcionalmente o nosso wikcionário é provavelmente o vice-campeão em número de categorias (os wikcionários francês e inglês possuem ambos mais de 600.000 páginas, o nosso não chega a 45.000; o finlandês tem 76.709).

Língua Categorias
fi 23685
en 19438
fr 10505
pt 7909
sv 4396
es 2992
de 1899
el 1740
it 1572
ja 1447
zh 819
hu 334
pl 725

--Schoenfeld 11h58min de 12 de fevereiro de 2008 (UTC)[Responder]

Olá Schoenfeld!
Muito obrigado pela informação, é bem interessante.
Eu particularmente não acho que temos muitas categorias. Por exemplo, se fôssemos criar só as categorias gramaticais principais (Substantivo, Verbo, Adjetivo, Advérbio, Pronome, Preposição, etc) em todos os idiomas do mundo (cujo número se estima entre 3.000 e 6.000), só aí teríamos entre vinte mil e quarenta mil categorias.
Portanto, o número em si de categorias não é o problema. O problema é a quantidade de categorias absurdas, ridículas mesmo, que temos, como Adivinhação, Espiritualismo, Existencialismo, Gráfica, Século XII e Século XVIII, só para citar algumas. Eram essas que eu queria eliminar quando começamos este projeto.
--Valdir Jorge fala! Canadá 18h07min de 12 de fevereiro de 2008 (UTC)[Responder]

Reativação?[editar]

Que tal reativarmos o projeto? --Lipediga! Paraná 18h31min de 24 de abril de 2008 (UTC)[Responder]

Icon yes.png Concordo, mas em outros termos. Eu não quero mais ser aquele que decide. A primeira encarnação desse projeto foi interessante, conseguimos realizar boas coisas, mas depois ficou um pouco esquisito para mim.
Acho que teríamos que definir as regras primeiro antes de voltar à carga.
--Valdir Jorge fala! Canadá 19h09min de 24 de abril de 2008 (UTC)[Responder]

Poderíamos, talvez, criar um sistema parecido com o usado nas votações para eliminação de artigos da Wikipédia... a categoria seria proposta em uma subpágina do projeto, algo como [[Wikcionário:Projetos/Categorias/Votação:nome da categoria]], e ali seria feita uma votação de duração determinada (imagino que 7 dias já seria um bom tempo). Se nesse intervalo de tempo fosse obtida uma quantidade satisfatória de votos a favor da eliminação, todas as categorias com aquele mesmo título seriam eliminadas. --Lipediga! Paraná 00h47min de 25 de abril de 2008 (UTC)[Responder]