Wikcionário:Esplanada

Origem: Wikcionário, o dicionário livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bem-vindos à Esplanada!
Agora é só puxar uma cadeira, pedir um cafezinho e pôr-se à vontade.
  • Esta página serve para todo o género de conversas e perguntas sobre o Wikcionário. No entanto, consulte a tabela abaixo ou a lista lateral (entre correlatos e edições noutros idiomas) para se dirigir a uma discussão mais específica.
  • Clique aqui para abrir um novo tema de conversa na Esplanada.
  • Por favor, depois de editar, pedimos a colocação de um comentário no resumo (algo como em que tema desta página foi a opinião ou comentário) para que se possa ver na página de mudanças recentes. Obrigado.
Applications-ristretto.svg
  • English: Welcome to the "beer parlor" of the Portuguese Wiktionary. In case you don't speak Portuguese but would still want to leave us a message, feel free to write it in English, as we have active contributors that understand this language and would be able to help you with your query.

Arquivo

Discussões de agosto de 2016[editar]

Três discussões relativas a verbetes que são só soma das partes[editar]

Olá Pessoal!

Por favor, vão lá participar da [[Discussão:zero graus|discussão sobre o verbete zero graus]]. Eu já tentei duas vezes convencer a Jéssica de que esse verbete é só soma das partes, mas sem nenhum sucesso. Se alguém se interessar em participar, eu agradeceria.

Ah, aliás, também comecei uma outra discussão sobre o mesmo tema em [[Discussão:meia diária]] e [[Discussão:preconceito linguístico]]. Também agradeceria se alguém desse sua opinião lá.

Vou esperar uma semana. Se não tiver nenhuma corroboração, vou colocar esses três verbetes para eliminação votada.

Obrigado.

--Valdir Jorge  fala!
17h40min de 28 de julho de 2016 (UTC)

Comentei nas três, todas elas são realmente somas das partes. Luan (Discussão) 21h18min de 30 de julho de 2016 (UTC)
Verbetes e respectivas páginas de discussão deletadas.
--Valdir Jorge  fala!
14h28min de 8 de agosto de 2016 (UTC)

Modelo de entrada[editar]

Bom dia, boa tarde, boa noite. Se derem uma olhada no Livro de estilo /Modelo, verão que no exemplo o verbete é adjetivo e substantivo. Sobre ambos os dous cabeçalhos de nível 2, ==Adjetivo== e ==Substantivo==, está o cabeçalho de nível 1 =Composição de bandeiras de países e regiões que falam português Português=, quando isto não é assim feito no comum dos verbetes deste wikcionário, apenas é suficiente um único cabeçallo de idioma. Opino ser conveniente corrigir isto. --Cpls (Discussão) 06h11min de 31 de julho de 2016 (UTC)

Separei os modelos em caixas para deixar bem claro que se tratam de dois modelos distintos e não de um só modelo para os dois. Espero que ajude a evitar confusões no futuro.
--Valdir Jorge  fala!
12h11min de 31 de julho de 2016 (UTC)

Subtítulo de nível 2 na etimologia, e confusões. Padronização?[editar]

A consideração do subtítulo Etimologia com nível 2 (==Etimologia==) dá pequeno atrapalhamento em palavras que sendo escritas igual, são de diferente origem etimológica; quanto mais se está uma ==Forma verbal== pelo meio, um ==Adjetivo== com duas origens etimológicas e um ==Substantivo== com três. As pessoas que aqui colaboramos, temos feito sob critérios próprios, distintas soluções para evitar a confusão que a consideração da etimologia como cabeçalho de nível 2 provoca. Poderíamos chegar a uma solução comum? O que opinam? Gosto do modelo que o wiktionário inglês tem, mas acho dificilmente aplicável, obrigaria a grandes mudanças no livro de estilo... --Cpls (Discussão) 06h35min de 31 de julho de 2016 (UTC)

A etimologia é, via de regra, um cabeçalho de nível 2, mas em casos bem específicos, onde diferentes classes gramaticais têm etimologias distintas, pode-se muito bem colocá-la como cabeçalho de nível 3.
Aplicar um novo modelo (como o do en.wikt, por exemplo) seria impensável agora que temos centenas de milhares de verbetes nesse nosso modelo. E para ser bem sincero, não sou grande fã do modelo do en.wikt. Quando vou procurar uma palavra num dicionário eu quero ver primeiro o significado da palavra. A etimologia é algo secundário (importante, sim, mas não é o motivo principal pelo qual eu vou a um dicionário).
--Valdir Jorge  fala!
12h11min de 31 de julho de 2016 (UTC)
Creio que a solução é simples e dentro do nosso modelo. Percebendo o verbete má#Galego, em que você, Cpls, colocou dois cabeçalhos de terceiro nível, pode-se juntá-los num só. Tal como nas seções de Sinônimos, Antônimos, basta colocar um item de lista para identificar à qual classificação gramatical pertence aquela etimologia, veja como ficou. Alternativamente, se quiserem uma alteração no Livro de Estilo, podemos estabelecer contagem única para cada seção de idioma, assim teríamos nesse mesmo verbete as definições 1 (Adjetivo), 2 (Adjetivo) e 3 (Substantivo) - não mais 1 (Adjetivo), 2 (Adjetivo) e 1 (Substantivo). Luan (Discussão) 14h49min de 31 de julho de 2016 (UTC)
Está bem. Estive quase sempre editando do jeito que ValJor diz, pondo a etimologia em nível 3 quando existe o "probleminha". Também não me incomoda o jeito que Luan propõe. A pergunta que faço é se seria conveniente "afixar" um modelo único?, ou deixarmos como está?, e que cada editor escolha um jeito... Pessoalmente prefiro o jeito descrito por ValJor, aceitaria qualquer outro a ele chegado por consenso. Tudo isto veio ao caso, pela recente modificação no verbete rodrigo que o deixa confuso. É na busca de um critério que escrevo, não na imposição. Agradecido.--Cpls (Discussão) 16h53min de 31 de julho de 2016 (UTC)
Também prefiro que exista um modelo único. Minha questão é que dessa outra forma, proliferam-se os cabeçalhos e muda a estrutura defendida pelo Livro de estilo (etimologia é um cabeçalho de segundo nível). Do jeito que falei e faço, continuaríamos a seguir a norma e as informações sobre etimologia ficam todas juntas num só lugar. Aproveito a discussão sobre a seção Etimologia para questionar qual a necessidade de se colocar a indicação entre parêntesis Morfologia, se fosse um processo de formação de palavras (Justaposição, Composição), mas nem isso, nem é algo explicativo ou anteriormente dito para estar envolto pelos parêntesis. Realmente não compreendo. Luan (Discussão) 13h53min de 14 de agosto de 2016 (UTC)
Quanto a existência da (Morfologia) dentro da seção etimologia: isso está no modelo de "O que todo verbete precisaria ter". Estou falto de opinião sobre a sua eliminação ou permanência. O {{escopo|Morfologia}} tenho-o escrito muito, (até demais, pois sai-me automaticamente), em explicações etimológicas que estão fora da morfologia. Desculpem.--Cpls (Discussão) 15h09min de 14 de agosto de 2016 (UTC)
Percebo que em parte a culpa foi até minha. Nem lembrava dessa página. Precisamos padronizar as diretrizes das nossas diversas páginas de instrução e políticas (Wikcionário:O que todo verbete precisaria ter, Wikcionário:Livro de estilo, Wikcionário:Livro de estilo/Modelo). Não compreendi o que quis dizer com Estou falto de opinião..., Cpls. Luan (Discussão) 15h37min de 14 de agosto de 2016 (UTC)
Estou falto de opinião...: estou sem a opinião necessária.--Cpls (Discussão) 16h04min de 14 de agosto de 2016 (UTC)

Save/Publish[editar]

Whatamidoing (WMF) (talk) 18h03min de 9 de agosto de 2016 (UTC)

Lista de possíveis SdP's indicados pela Jéssica[editar]

Olá pessoal!

A Jéssica indicou vários verbetes como sendo SdP. Eu concordo com a maioria, talvez até todos mesmo.

Vou começar gradualmente a limpeza desses verbetes. Se você se opuser à deleção de algum deles, coloque seu comentário na página de discussão respectiva e eu deixo ele para mais tarde, para poder debatermos a questão.

--Valdir Jorge  fala!
11h24min de 12 de agosto de 2016 (UTC)

Icon yes.png Concordo com as eliminações. Defender (talk) 00h31min de 13 de agosto de 2016 (UTC)
Embora eu não concorde com o método de proposição à eliminação, nada oficial/convencional, eu concordo com a maioria das indicações. As exceções são: nu e cru, fuzis da amarra, dar a palavra, go straight to the point, todos os quatro ganham novo sentido em conjunto (não existe ao pé da letra uma verdade nua e crua, nem vestida e assada, assim como não se fala em dar a vogal, a locução, a sílaba, mas somente a palavra). Luan (Discussão) 01h43min de 13 de agosto de 2016 (UTC)
Não se diria o mesmo a respeito de verdade nua e verdade crua? Não seria a somatória dos sentidos figurados do termo nu e do termo cru que ocorrem na forma feminina nessas duas construções citadas aquilo que está acontecendo em verdade nua e crua? Significados somados que dá para recuperar se estiverem cada qual postos nos devidos verbete cru e verbete nu? E portanto caracteriza assim um SdP?
O sentido que o termo palavra tem está atribuido somente a ele mesmo, palavra, logo ninguém dá a vogal, locução ou sílaba com sentido de palavra, mas cede a palavra, cercea a palavra, corta a palavra, passa a palavra, diminui o tempo da palavra dada, dar em dar a palavra quer dizer condecer, tem a palavra palavra significado diferente e não recuperável daquele que há nos exemplos com grifos acima? Significado esse que não dê para recuperar lendo os verbetes dar depois, o verbete a e em seguida o verbete palavra? Se o significado é partilhado e recuperável a partir das partes, não caracteriza um SdP?
As palavras vogal, locução, sílaba em específico não têm o significado que a palavra palavra possui para fim de comparação, e isso é esperado pois são palavras diferentes que necessariamente não partilham o mesmo sentido, não é mesmo?
point significa assunto argumentado ou que se quer argumentar daquilo ou naquilo discutido, em português equivalente à palavra ponto. Tem o termo point em go straight to the point significado igual que em let's back to the point por exemplo? Ou que está presente em outras construções em semelhança por ter o termo point? Tem? Se a resposta é sim, é um significado compartilhado, qual o significado que go straight to the point adicionou ou tem a mais que não dá para recuperar lendo go, straight, to, the e point? E sendo recuperável, não caracteriza um SdP?
fuzil quer dizer um elo, fuzis da amarra são elos que tem numa amarra, qual sentido que fuzis da amarra assume ou tem a mais que não dê para recuperar lendo a entrada da forma plural de fuzil, a entrada fuzis, depois a entrada da, e por último a entrada amarra?
Não te parece que todas estão já dizendo o que verbetes em separado juntados conseguem dizer, e assim caracterizam SdPs? E assim se pode prescindir de todas pois não há perda de informação?
--Jéssy (Discussão) 15h41min de 13 de agosto de 2016 (UTC)
Observando o que falou e considerando outras questões que tinha pensado sem ter exposto, tem razão Jéssica. Icon yes.png Concordo com todas as indicações de eliminação. Luan (Discussão) 21h24min de 13 de agosto de 2016 (UTC)
Não quero abrir um grande debate sobre nossas regras, mas talvez devamos abrandar um pouco nosso ponto de vista sobre SdP's. Vejamos o caso da entrada doença venérea. Não discordo que seja SdP, se você souber o significado das duas palavras, você sabe o significado da expressão. Ok. Mas vários outros Wikcionários têm o correspondente dessa expressão (venereal disease no en.wikt, maladie vénérienne no fr.wikt, венерическая болезнь no ru.wikt, venerisk sjukdom no sv.wikt, zührevi hastalık no tr.wikt, etc). Se eliminarmos o verbete aqui, aqueles verbetes vão para sempre ter a tradução para o português "quebrada".
Vou deixar essa entrada para o final, para dar tempo aos navegantes de se pronunciarem.
--Valdir Jorge  fala!
19h21min de 16 de agosto de 2016 (UTC)
Sou favorável a ter um pouco de flexibilidade, chame de: verbete de interesse. É um termo médico doença venérea, adiciono o que considero se caracterizar um verbete de interesse, ter ao menos uma citação com definição em um dicionário fidedigno como nesse caso e poder levar a traduções que de outra forma não seriam acháveis ou ligáveis via Wikcionário, como acho que eu vou ser voz apoiante monovocal nisso, fica o voto a favor da flexibilidade ainda que não valha muita coisa, o faço aqui com esse meu: Icon yes.png Concordo.--Jéssy (Discussão) 19h54min de 19 de agosto de 2016 (UTC)
Symbol support vote.svg Apoio a proposta apresentada por Jéssica. Que se inclua essa exceção nos CDI (WC:CDI#Idiomaticidade)! Luan (Discussão) 20h49min de 19 de agosto de 2016 (UTC)

Pedido[editar]

Olá Jéssica! Eu gostaria de te pedir que, quando propor uma página para eliminação rápida por ser soma de partes, coloque a predefinição {{eliminação rápida|IM|2=~~~~|3=SdP}} no topo do verbete, seguindo nosso procedimento padrão para propostas de eliminação rápida, ao invés de escrever "SdP" na página de discussão do verbete, a fim de que a página apareça na Categoria:!Página_para_eliminação_rápida, tornando mais fácil atender aos pedidos. Obrigado e boas edições. Defender (talk) 19h35min de 21 de agosto de 2016 (UTC)

Na verdade a intenção não é pedir, mas deixar o que eu penso mais ou menos como uma opinião para assim alguém mais estar mais seguro ou analisar melhor, pois nem sempre uma soma ou é ou acaba sendo deletada, há casos e casos, gostaria de uma página só para indicar aquelas que penso que possa ser revisto quando a SdPidade para indicar e alguém rever, sem precisar digamos, tomar uma posição "defenestrosa definitiva", tipo o ValJor dizer se é o caso e cabível a deleção ou mais alguém antes de deletar, mas vou fazer isso daí que você diz e ver no que dá.--Jéssy (Discussão) 19h48min de 21 de agosto de 2016 (UTC)

Predefinições de escopo unificadas[editar]

Pessoal! Venho aqui informar que foi feita a unificação das predefinições de escopo, como tinha sido pretendido mês passado (Wikcionário:Esplanada/Arquivo/2016/Julho#Possibilidade de pequena modificação nas predefinições .7B.7BescopoUso.7Cg.C3.ADria.7Cpt.7D.7D e demais), em discussão iniciada por Cpls. Agora é possível indicar vários escopos numa mesma predefinição de forma padronizada e com categorização automática: predefinição:escopo. A predefinição não está totalmente finalizada, juntei os valores que constavam nas duas anteriores (Cat e Uso), então especificações mais detalhadas não estão pré-definidas ainda (como dialetos brasileiros e portugueses, por exemplo). Mas aí basta adicionar ao longo do tempo/uso. Se alguém tiver dúvidas de como adicionar, basta perguntar, que esclareço o que puder. Luan (Discussão) 14h01min de 14 de agosto de 2016 (UTC)

Ótimo! Grato!--Cpls (Discussão) 14h55min de 14 de agosto de 2016 (UTC)
Obrigado Luan pelo trabalho nessa predefinição, mas há jeito de se "desligar" a categorização em alguns casos? Meu problema está na seção de etimologia, onde normalmente eu escrevo {{escopo|Morfologia}}. Se eu fizer isso agora, aparece o sinalzinho indicando que eu usei a predefinição de maneira errada. Mas se eu fizer da maneira certa ({{escopo|pt|Morfologia}}), aí o verbete vai ser colocado dentro de Categoria:Morfologia (Português), que não existe e nem deve existir mesmo. Então, tem jeito de colocar um parâmetro "categorizar=não" ou algo assim? Obrigado mais uma vez.
--Valdir Jorge  fala!
09h30min de 15 de agosto de 2016 (UTC)
Sim, penso o mesmo que ValJor, faz falta um item no escopo que não gere uma categoria. Para refletir e aperfeiçoar, Luan visite o verbete [judeu]. Agradeço o seu trabalhão.
--Cpls (Discussão) 10h02min de 15 de agosto de 2016 (UTC)
De nada, pessoal. @Valdir Jorge: obviamente é possível fazer isso sim, mas sendo só em relação à (Morfologia), repito a pergunta acima sobre qual é a necessidade de tal indicação. E sendo em relação ao verbete "judeu", tais informações de contexto de uso não são muito mais preferíveis estar somente do próprio verbete? Luan (Discussão) 13h05min de 15 de agosto de 2016 (UTC)
Sobre o verbete judeu como exemplo. Vejam em Sinônimos, a presença do , e a necessidade de arranjar isso; ou por exemplo nesse mesmo verbete, judeu, como {{escopo|pt|Minas Gerais}} gera a categoria Minas Gerais (Português). Do mesmo jeito os muitos trasmontanismos, (1.500 aproximadamente) com {{escopo|pt|Trás-os-Montes}}, como por exemplo abrótiga ou aluar, que a ferramenta AWB gera e gerará, cria a categoria Trás-os-Montes (Português), (a dizer que não discordo com que novas categorias existam pelo uso desta ferramenta). Na ideia de construir escrevo isto.--Cpls (Discussão) 15h02min de 15 de agosto de 2016 (UTC)
@Cpls: Como falei no início desta seção, os dialetos portugueses e brasileiros, entre outros, não estão ainda pré-definidos em Predefinição:escopo/núcleo. Por isso as categorias em vermelho. E, repetindo também, não vejo necessidade de apontar no verbete "judeu" o escopo de um segundo termo (informações sobre ele ficam na página do verbete dele). Luan (Discussão) 15h30min de 15 de agosto de 2016 (UTC)
Tudo bem.--Cpls (Discussão) 16h04min de 15 de agosto de 2016 (UTC)
Adicionei dialetos brasileiros (para cada um dos estados e para as macrorregiões) e alguns portugueses do português, alguns dialetos do inglês e do espanhol. Certamente isso não é tudo que está em uso, mas já inclui vários deles. Se aparecer algum novo (como quando for atualizada o Especial:Categorias em falta), é só adicionar lá no componente da predefinição. Luan (Discussão) 18h30min de 15 de agosto de 2016 (UTC)
Olá Luan!
Nós definitivamente precisamos de um parâmetro "categorizar=não" nessa predefinição. Não é só para a morfologia da etimologia, todos os dias estou vendo coisas para as quais esse parâmetro ajudaria. Se não for muito trabalho, por favor faça essa modificação. Obrigado.
--Valdir Jorge  fala!
13h16min de 17 de agosto de 2016 (UTC)

@Valdir: agradeço se puder mostrar aqui exemplos que te fazem pedir isso, só para saber onde está pegando/apertando/complicando.

@Cpls: favor confirmar os escopos dos verbetes picão e crega criados por você. E que bom que já adicionou alguns regionalismos lá predef!

Pessoal, como esclarecer/melhorar o escopo "América Espanhola com exceção de Chile e Colômbia" de computadora#Espanhol???

Luan (Discussão) 15h35min de 18 de agosto de 2016 (UTC)

Feito, Luan
Sobre a sua petição de exemplos onde faz falta um escopo que não leve a categoria nenhuma. Já escrevi arriba, no judeu, aí nos sinônimos vai um (Brasil), que não dou com o jeito de o arranjar. Há também alguns verbetes mais com sinônimos e escopo indicando a sinonímia regional, veja: bochecha. No caso da computadora#Espanhol a solução poderia ir a um hipotético {{escopo|es|América| "sem categoria" excepto Chile e Colômbia}} que se traduziria em (América, excepto Chile e Colômbia) e nas categorias apareceria [[Categoria:Regionalismo (Espanhol)]]. Outra opção é ir ao núcleo e inserir o comando ''|América Espanhola com exceção de Chile e Colômbia=[[Categoria:Regionalismo (Espanhol)]]América Espanhola com exceção de Chile e Colômbia''. Mas isto você já o sabe. Bom trabalho. Grato.--Cpls (Discussão) 16h16min de 18 de agosto de 2016 (UTC)
Como é que se indica o regionalismo galego na seção dos sinônimos (bochecha#Sinônimos) e não no verbete principal (façula)? Como é que se indica o regionalismo brasileiro na seção dos sinônimos (judeu#Sinônimos 2) e não há nem definição nem escopo sobre isso no verbete principal (israelense#Substantivo)?? Minha proposta de solução para isso: retirar esses escopos destas seções e restringi-los às linhas das definições.
Cpls, acho que não compreendeu (eu não deixei claro o suficiente) a questão do precedente. Há um certo limite de possibilidades para colocar nessas predefinições (é por um desses motivos de sobrecarregamento, que poderia ser aliviado com o uso de módulos em Lua, sobre os quais não tenho conhecimento para implementar, que a predefinição:categoria-tópico não está adicionando o {{índice cat}} automaticamente onde precisa, por exemplo). Já pensou nas milhares (um pouco de exagero, mas quase isso) de possibilidades de combinações para "América Espanhola exceto paísX", ou para "América Espanhola exceto paísA e paísB", ou ainda "América Espanhola exceto paísM, paísN e paísO" e assim por diante? Por isso minha reticência e a exposição da questão, para ver se alguém encontra uma solução mirabolante. Ah, obrigado pela pronta correção daqueles dois verbetes. Luan (Discussão) 22h44min de 18 de agosto de 2016 (UTC)
Haveria a possibilidade de criar uma predefinição de escopo nova?, em exemplo: {{escopo2|Brasil}}, que não gerar uma categoria; no caso conflitivo de igual modo: {{escopo2|América Espanhola com exceção de Chile e Colômbia}}, e depois escrevermos a mão [[Categoria:Regionalismo (Espanhol)]]. Voltarmos a ter um escopo (escopo2/esc2/e2) como o anterior? Que pensam outras pessoas?--Cpls (Discussão) 23h22min de 18 de agosto de 2016 (UTC)
Sou favorável à ideia do {{escopo2}}, poderia até ter nome de espaço nominal e ficar como {{escopa}} para facilitar ainda mais, seja como for sou favorável a essa ideia de um escopo como propuseste com {{escopo2}}, se {{escopa}} for intragável, vamos de {{escopo2}}, ou seja, com uma predefinição de escopo que não crie categoria automaticamente, dado que tem usos que precisam deste tipo de escopagem sem automatismo por defeito como demonstraste, assim como na questão da etimologia mais para cima discutido nessa página, é uma necessidade do(s) editor(es)/contribuidor(es) que se apresenta para mais que apenas um caso, assim sendo e tendo analisado esse e o outro caso acima, Icon yes.png Concordo.--Jéssy (Discussão) 19h27min de 19 de agosto de 2016 (UTC)


Realmente precisamos de um escopo que só escope sem categorizar[editar]

Eu quero poder colocar escopos que não gerem categorias, a categoria Substantivo não é gerado por escopo, logo escopo não está ligado a categoria em si intrinsecamente, a ideia de sistematicamente criar categorias baseadas nos escopos, pode até ser boa em parte, mas ao mesmo tempo impede o livre uso de escopos em casos em que eles ajudam a indicar o campo/nicho/tipo/percepção do que se referem as definições mas não se encaixam na árvore de categorização, eu acho extremamente limitante demais essa obrigatoriedade de se o escopo não se enquadrar numa categoria pré-determinada (que pode nem existir por falta de quem possa incluir) de se ter de o remover só para não gerar linque vermelho no rodapé da página de um verbete, por favor me providenciem um sistema de escopagem que permita escopagem sem categorização nem que seja para parte do escopo, eu não estou pedindo nada de mais, apenas um uso mais próximo do que há muitas vezes nas próprias fontes que se usa para corroboração, como vocabulários e dicionários, tipo um |"esse escopo vai ser categorizado"=n}} já bastava, ou solução similar em efeito. --Jéssy (Discussão) 23h34min de 20 de agosto de 2016 (UTC)

Olá Luan!
A gritaria dos outros contribuidores já é suficiente para te convencer que precisamos de um "categorizar=não" ou você ainda quer a lista que me pediu três dias atrás?
--Valdir Jorge  fala!
21h45min de 21 de agosto de 2016 (UTC)
Outra opção seria escrevermos um escopo a mão, sem necessidade de predefinição nenhuma, simplesmente <font color="red">(''América Espanhola com exceção de Chile e Colômbia'')</font>, que geraria: (América Espanhola com exceção de Chile e Colômbia). Se houver uma predefinição de escopo semelhante à anterior, reduziria o número de teclas para grafar o mesmo. Se se criar o tal escopo, proporia breve tipo {{esc|xyz}} ou outra forma curta.--Cpls (Discussão) 09h33min de 22 de agosto de 2016 (UTC)
Nunca vi nada ser bem resolvido com gritaria. Nem sou dono da predefinição em questão, nem de nenhuma. A edição é livre, de maneira geral. Os casos apresentados já contra-argumentei, inclusive sobre o (Morfologia), ainda assim abri a exceção. A questão é que a discussão não rende, não continua, e querer por querer, pra mim não é argumento. Minha opinião é essa diante do que se tem exposto até agora.
Os escopos delimitam o contexto de uso daquele termo em relação àquele significado específico. A predefinição ajuda a não haver bagunça, como em um verbete constar (Culinária) e noutro (Gastronomia). E isso é aplicado e levado ao sistema de categorização também, coordenando ambas etiquetas postas nos verbetes. Assim, não é plausível o escopo (Flor), mas a categoria sim, então temos a categoria:Flor e o escopo mostrado (Botânica). Essas são funcionalidades da predefinição, ela faz essas "mágicas" uniformizadoras e coordenadoras. Não vejo outras etiquetas e funções necessárias, pelo mesmo motivo em que há as instruções do aviso para flexões, são retiradas as divisões silábicas dos quadro de flexão e as seções Cognatos, e se permitiu verbetes para formas flexionadas e diferenciação entre caixa alta e baixa. Cada macaco no seu galho. Luan (Discussão) 15h08min de 23 de agosto de 2016 (UTC)
Olá Luan!
Citação: No resumo de sua contribuição você escreveu: «não gostei do tom, não sou obrigado»
Xi, não tinha tom, não, falei o mais neutro. Eu realmente achei que o posicionamento mais efusivo dos outros fosse ser suficiente para te convencer.
Citação: Você escreveu: «Nunca vi nada ser bem resolvido com gritaria.»
Você já viu pregão da Bolsa? :-) Brincadeirinha, não precisa responder...
Citação: Você escreveu: «Nem sou dono da predefinição em questão»
É bem verdade, ninguém aqui é dono de nada do projeto. Mas como você estava mexendo na predefinição, não quis me meter no meio, preferia deixar para você implementar o "categorizar=não". Mas considerando o que você falou, vou fazer então a modificação eu mesmo.
--Valdir Jorge  fala!
16h39min de 23 de agosto de 2016 (UTC)

Recriada a predefinição escopo2[editar]

Dei uma olhada na predefinição escopo para ver o que precisaria ser feito para incluir um "categorizar=não" e aí entendi o porque de o Luan ser tão contra a ideia: iria ser um trabalho do cão e a predefinição iria ficar imensa! Isso porque precisaríamos repetir a lógica de não categorização para cada categorização, não dá para fazer algo genérico. Desisti da ideia.

Por isso recriei a predefinição escopo2. Vejam o uso em what.

--Valdir Jorge  fala!
11h02min de 24 de agosto de 2016 (UTC)

E então[editar]

Porque não se usa {{g}} para a classificação gramatical? poupa umas tecladas boas, já que {{g}} usado até no auge não era muito, bem pouco, e fazendo as vezes de {{gramática}} ia ter um emprego bom, não é usado por causa da ocupação prévia do espaço nominal? Ou tem algum outro motivo? Tipo {{gramática}} é mais explícito ou {{g}} seria ruim? Visto que as duas seriam usadas para a mesma coisa e {{gramática}} tem adesão porque não se transfere {{gramática}} para {{g}} ou se cria um linque em {{g}} para {{gramática}} para que funcione como {{gramática}}?.--Jéssy (Discussão) 20h01min de 15 de agosto de 2016 (UTC)

Qual é a utilidade de deixar de usar o {{f}} e {{m}} e grafar {{gramática|}}?, ou na proposta {{g|}}? Desculpem se o tema foi já falado. Se é de utilidade, se dá informação, escrever o tal gramática, apoio a proposta de Jéssy.--Cpls (Discussão) 21h58min de 15 de agosto de 2016 (UTC)
Predefinição:g pode ser um redirecionamento para Predefinição:gramática, se a comunidade aprovar, faz-se a fusão, ou melhor, eliminação daquela predefinição obsoleta e então cria-se o redirecionamento. Não vejo utilidade nela por abreviar as subclassificações, sem necessidade, e não necessitamos de economia de espaço como ocorre nos dicionários impressos.
Já a vantagem de Predefinição:gramática sobre Predefinição:f e Predefinição:m, por exemplo, é que estas somente permitem a indicação do gênero, enquanto a primeira gera classificações como singular/plural, contável/incontável, simples/composto, primitivo/derivado, neutro, invariável, pronominal, transitivo/intransitivo/bitransitivo, entre muitos outros, tudo isso numa única predefinição. Luan (Discussão) 15h29min de 18 de agosto de 2016 (UTC)

CheckUser[editar]

Olá pessoal. Eu gostaria de abrir uma votação para eleger verificadores de contas (CheckUsers) locais e anunciá-la na Esplanada da Wikipédia para convidar o povo a participar. Embora nosso projeto seja pequeno e não tenha uma necessidade constante de verificações, acredito que somos ativos, experientes e de confiança e podemos lidar com as verificações locais (um pouco melhor que os stewards). Nada contra os stewards. Por mim, eles podem continuar a utilizar as ferramentas de CheckUser independente de elegermos verificadores locais e são mais que bem-vindos para fiscalizar nosso trabalho. Sobre o projeto ser muito pequeno para atingir os 25 votos necessários, lembro que em 2008 Sir Lestaty de Lioncourt abriu uma votação para CheckUser na Wikinotícias em Português, projeto bem menor que o Wikcionário, convidou usuários da Wikipédia para participar e obteve sucesso. Aquela votação foi, inclusive, aceita pelos stewards na época. O que vocês acham? Defender (talk) 17h48min de 20 de agosto de 2016 (UTC)

Desde sempre eu sou a favor de termos CheckUsers locais. Eu mesmo já pedi lá no Meta quando estava lutando contra um certo vândalo insistente que assola o nosso projeto. Infelizmente vieram com essa conversa de 25 votos e eu vi que jamais poderíamos ter um CU nessas condições.
Sobre chamar o pessoal da Wikipédia para votar: os votos em eleições neste projeto só são válidos se o votante tiver um certo número de participações neste projeto. Portanto chamar paraquedistas da Wikipédia para votar aqui não vai funcionar, os votos não serão válidos.
--Valdir Jorge  fala!
18h41min de 20 de agosto de 2016 (UTC)
Que eu saiba fica a critério da comunidade de cada projeto definir os critérios para poder votar e ter seu voto considerado válido. Até onde sei, o espírito da exigência de 25 votos é garantir que várias pessoas avaliem as candidaturas de administradores que pretendem ter acesso a essa ferramenta nos projetos Wikimedia. Se fosse para levar ao pé da letra uma exigência de participação mínima no projeto em questão (500 edições, 100 edições nos últimos 6 meses, por exemplo), o que não consta na política global até onde sei, diversas votações que já ocorreram em outros projetos terão de ser anuladas, a exemplo desta de 2014 do Wikilivros em Inglês: b:en:Wikibooks:Requests for permissions/Xania. Dos 25 votantes, BrotherE possui 11 edições, Gryllida possui 19 edições e Pratyya_Ghosh possui 12 edições. Eu não verifiquei os demais. Só isso já seria suficiente para ensejar, de acordo com essa rígida interpretação das normas, a anulação da votação e a remoção das ferramentas do usuário Xania, que (ainda) é um dos verificadores locais e, por consequência, do usuário QuiteUnusual, uma vez que a política global proíbe a existência de apenas 1 (um) verificador. Portanto, voltando ao nosso projeto, não vejo problema em usuários experientes, com mais de 1.000 edições na Wikipédia em Português, votarem aqui. Se necessário, podemos deixar explícito nas regras que a participação desses usuários é permitida. Defender (talk) 21h27min de 20 de agosto de 2016 (UTC)
Eu sou contra isso de contribuições na Wikipédia valer algo aqui pura e simplesmente, as edições aqui são para se "sentir" como um dicionário wiki é, e no caso dos wikipedistas ainda mais necessário, eles vem com Wikipedismo na forma de pensar um texto, um leiaute, a organização, o que para um dicionário não casa, muito provavelmente por exemplo para um wikipedista recém-chegado as flexões poder virar uma nota de rodapé ou ir numa caixa contraível já retraida por padrão pode não fazer tanta "diferença" se ele não tiver já experimentado com o que é um quadro de flexão, imagina se isso estivesse em votação bem no dia que ele vem começar a editar? Ou é "convidado a votar"? E isso abre precedentes para votações casadas fora daqui, a participação serve de indicativo que a pessoa pelo menos tem um interesse sadio que não só o de dar o voto por simples engajamento pelo voto, mas sim por ter ciência e algum embasamento junto do projeto naquilo em que vota e sobretudo que se importa o suficiente para dedicar ao menos um pouquinho de tempo a ele uma vez na vida e que seu voto é por valor de consciência do que considera melhor e não por um “ai me pediram”, agrada-me a ideia que quem vota participa efetivamente regularmente e pode sentir para o positivo ou o negativo os efeitos que seu voto traz. --Jéssy (Discussão) 22h39min de 20 de agosto de 2016 (UTC)
O fato de um indivíduo não ter feito determinado número de edições no domínio principal do Wikcionário através de sua conta não significa que ele não tenha se inteirado do projeto. De qualquer forma, eu desejo propor que usuários com mais de 1.000 edições na Wikipédia possam participar de votações a respeito de permissões avançadas, ou seja, as nomeações para verificador de contas (CheckUser) e supressor (Oversight). Não defendo a participação de usuários que não tenham um mínimo de experiência no Wikcionário em votações atinentes ao conteúdo lexicográfico do projeto (como Categoria Plural e Critérios de inclusão de Topônimos). Defender (talk) 01h19min de 21 de agosto de 2016 (UTC)
A calmaria em que nos encontramos, apesar dos inúmeros bloqueios de IP que vejo Defender fazer às dezenas quase que diariamente, não me faz crer na urgência de termos verificadores locais. Ainda assim, não vou contra a ideia. No entanto, mesmo achando que esse convite seria uma oportunidade - que não deixa de ser estranha - para atrair novos editores, não concordo com essa brecha para tal votação. Nossa política de direito ao voto é local sim, não é algo que veio externamente, não é regra global, foi votada aqui e por duas vezes. E não vai ser tão difícil assim de "conseguir" editores votantes: com as contas unificadas os 30 dias de conta registradas não serão obstáculo e um aviso com antecedência sobre as condições de voto e a votação vindoura impedem que a data da primeira edição válida e a quantidade de 200 edições válidas também sejam obstáculos. Para conhecimento da nossa realidade presente, há disponível as estatísticas dos 50 wikcionaristas mais ativos recentemente. Luan (Discussão) 02h35min de 21 de agosto de 2016 (UTC)

O.o?[editar]

Universal tem tradução? ela em McCune-Reischauer#Universal fica ou permanece não? Se é universal o verbete, não seria sinônimo o que está na caixa de tradução? --Jéssy (Discussão) 17h05min de 21 de agosto de 2016 (UTC)