Utilizador Discussão:Eusbarbosa/Arquivo/OutDez09

Origem: Wikcionário, o dicionário livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Categoria:Militar (Hebraico[editar]

Olá Eustáquio!

Em Categoria:Militar (Hebraico faltou fechar um parenteses, não?

--Valdir Jorge  fala!      Canadá 23h40min de 15 de outubro de 2009 (UTC)

Sugestão de leitura[editar]

Olá Eustáquio!

Recomendo que você leia sobre Neville Chamberlain. Ele foi um político britânico que perseguiu a paz a todo custo. Em outra situação ele teria passado à História como um dos grandes estadistas do século XX. Infelizmente, para ele, ele viveu e atuou no período imediatamente anterior à Segunda Guerra Mundial e instaurou a política de coexistência pacífica com Hitler. Por causa disso ele entrou para a História como o homem que possibilitou a ocorrência da guerra. Se tivesse sido duro com Hitler, poderia ter evitado um banho de sangue, pois em 1937 a Alemanha não estava preparada para enfrentar o resto do mundo.

Isso tudo é para dizer que as melhores das intenções podem ter efeitos catastróficos. Sua devoção à liberdade total possibilitou a existência e desenvolvimento do D&S. Espero que nós possamos aprender com os erros da História e com os nossos próprios.

Todos devemos defender a liberdade, sim, mas quando um vândalo aproveitador (seja ele um Hitler ou um D&S) aparece e usa a nossa boa vontade para corromper o sistema, temos que ter a coragem de dizer "basta!" e colocar o vândalo em seu lugar.

--Valdir Jorge  fala!      Canadá
Liberdade sim, anarquia não! ;-) 16h31min de 18 de outubro de 2009 (UTC)

É muita maldade... ;-)[editar]

Olá Eustáquio!

Mas você é muito malvado! ;-) Coloca um "baita" texto interessante desse aí na sua página de usuário e bota lá no começo "Não se trata de nenhuma proposta ou convite à discussão". É muita maldade... ;-)

Mas bem, para discutir isso iríamos gastar um milhão de bytes e muito tempo. É pena que estejamos tão longe, gostaria de poder me encontrar com você numa mesa de bar para discutir esses tópicos filosóficos tão interessantes ao redor de umas cervejas. Ia ser demais! Bem, fica para uma outra vida...

--Valdir Jorge  fala!      Canadá
Liberdade sim, anarquia não! ;-) 20h14min de 19 de outubro de 2009 (UTC)

Amigo Eustáquio, teu texto demonstra a pessoa que és. Obrigado!
Perante ele, e pelo que já de ti conhecia, apenas tenho uma outra "acusação" para te fazer: és um romântico!, ou seja, tentas viver a tua vida perseguindo a utopia de uma sociedade perfeita e usando a coerência como a estrada mais direta para lá chegar.
Os "pragmáticos" (ou não-românticos) escolhem acreditar na utopia apenas em palavras, enquanto vivem suas vidas "com os pés bem assentes na terra" – comendo sem repartir, usando as liberdades apenas em seu proveito e encolhendo os ombros quando questionados.
Obrigado pelo testemunho e acredita que não estás sozinho, há muito quem saiba que "o caminho se faz caminhando"...
Um abraço. – Cadum 23h44min de 21 de outubro de 2009 (UTC)

caçarumba em ER[editar]

Consultei caçarumba em 5 dicionários e não a encontrei e a coloquei para ER. Quem sabe você não a encontre em algum outro. --Jesiel通信 15h30min de 25 de outubro de 2009 (UTC)

Posso intrometer-me? O ER não era suposto ser usado apenas em casos inequívocos? Parece-me que com termos que parecem não ser corroborados por dicionários (pelo menos, os que consultamos) talvez devessemos seguir o esquema "convencional" de eliminação de páginas: proposta para eliminação (normal) e votação na página adequada. Malafaya 16h04min de 25 de outubro de 2009 (UTC)
Bem, normalmente a maioria dos termos que ponho pra ER, por não encontrar nos 5 dicionários aos quais tenho acesso, são erros de ortografia. Erro de ortografia é ER. Normalmente deixo com o Valdir o trabalho de conferir se essas páginas são mesmo erro de ortografia ou não. Na maioria das vezes são. Mas, por duas vezes o Eustáqui viu palavras em ER que existiam, de fato, e reclamou comigo por tê-las posto em ER. Por isso eu o estava avisando das páginas em ER para que ele não reclamasse comigo novamente.
Mas, se vocês acham melhor colocar os supostos erros de ortografia para eliminação votada, assim farei. Semanalmente, calculo, eu acho umas 10 páginas assim. --Jesiel通信 20h24min de 25 de outubro de 2009 (UTC)

azogo[editar]

http://books.google.pt/books?id=xpM-AAAAIAAJ&q=azogo&dq=azogo
http://www.skyscrapercity.com/archive/index.php/t-772822.html
azogo - iman (?) quer no Brasil, quer na Madeira
AZOGO. Pelo que pudemos traduzir ao ouvir esta palavra, é algo como trans-missão de pensamento, através do pensamento. Os grandes dicionários trazem uma forma aproximada de aziago, que tem sinonimia com agouro. (Isaque Borba Corrêa - Dicionário Papa-siri) http://linguisticacatarinense.blogspot.com/
Azogo era o que o meu avô chamava a um magneto ou iman http://forum.aglobal.com/viewtopic.php?p=9041&sid=a96a9d1139bf302b92984cf866892510
Ao entrar, para além do bilhete ser um balúrdio de 4€, disseram-nos que podíamos participar num jogo que servia para ganhar latinhas de patê e constituía-se em andarmos "à pesca" com um camaroeiro roto e com dois azogos lá presos para atraír as latas, mas nós não queríamos saber de pequenas latas de patê e de jogos mesquinhos, http://arranhi-pacanherra.blogspot.com/2007_08_01_archive.html
Catiroba http://bueirofetido.blogspot.com/2009/06/miss-catiroba-pensai-numa-budega.html

Continuo na minha batalha contra os órfãos[editar]

Olá Eustáquio!

Você criou recentemente alguns verbetes em hebraico que estão órfãos (veja a lista ao final desta página). Será que você poderia criar ligações em outros verbetes para esses, de maneira que eles desapareçam da lista de órfãos? Muito obrigado de antemão pela ajuda.

--Valdir Jorge  fala!
Liberdade sim, anarquia não! 12h20min de 1 de novembro de 2009 (UTC)

Re.:As bruxas estão soltas!?[editar]

Primeiro, eu já tinha falado disso com você exatamente quando você voltou a atuar aqui. Não se lembra?? Não falei ao Valdir nada que já não tivesse falado pra você. Depois, só pelo fato de ter o kanji de mulher não é motivo suficiente pra ser listado em bruxa. Tem muitas palavras com o relacionado kanji que nada tem a ver com bruxa. "Atolar" os verbetes com aquele monte de palavras não relacionados diretos com o verbete é péssimo, muito ruim mesmo... Mas, eu estava "citanto" um exemplo para o Valdir no assunto órfãos. Pelo menos não fiquei elogiando o Valdir e falando indiretamente mal de você, como fez o Cadum nesta página.

Mas não vou "fazer cena" com esse assunto não. Você é uito intransigente e eu acabaria por sair do projeto se começasse uma discussão desse tipo com você. E é por esse motivo que eu nem quis comentar sobre a sua assinatura gritante, que me incomoda as vistas.

Não era meu objetivo te ofender, se o fiz desculpa. Só quero repetir que eu já havia falado daquele assunto com você. --Jesiel通信 20h23min de 2 de novembro de 2009 (UTC)

Citação: Eusbarbosa escreveu: «Você disse que sou intransigente e sou mesmo, quando defendo o meu direito e o direito dos demais colaboradores(...)»
Não, Eustáquio. Você é intransigente quanto a aceitar feedback e opiniões alheias sobre o seu trabalho. Como, por exemplo, na questão da "bruxa".... --Jesiel通信 01h30min de 4 de novembro de 2009 (UTC)

Re.: [editar]

Eu não classifiquei como substantivo porque não há a definição de substantivo na página. Isto é, não há o pinyin ou a suposta forma simplificada ou tradicional do substantivo. Não coloquei o substantivo porque não tinha na página em inglês da qual eu copiei.

Sobre o "Mandarim", eu ponho assim porque é assim que o en.wikt usa e também é a forma que eu mais ouço quando converso ou leio algo sobre o idioma. Não será mais correto usarmos para mandarim?? Caso concorde, eu me disponho a fazer todas as mudanças (de categoria, etc.) com a ajuda de meus bots. --Jesiel通信 17h43min de 7 de novembro de 2009 (UTC)

Predefinições para meses e estações do ano[editar]

Olá Eustáquio!

Ontem você modificou as predefinições meses e estações do ano. Essa modificação fez com que as "sub-predefinições" que estão associadas a elas (como, por exemplo, Predefinição:meses/es e Predefinição:estações do ano/es) parassem de funcionar.

Será que você poderia rever sua modificação? Se quiser mantê-la, então precisaria modificar todas as "sub-predefinições". Obrigado.

--Valdir Jorge  fala!
Liberdade sim, anarquia não! 12h57min de 8 de novembro de 2009 (UTC)

Re: Happy Birthday[editar]

Olá Eustáquio!

Citação: Você escreveu: «aceite meu abraço de parabéns e que o tempo seja para você um aliado e não um adversário. Muita Saúde e Alegrias!»

Obrigado pelos votos!

--Valdir Jorge  fala!
Liberdade sim, anarquia não! 20h38min de 8 de novembro de 2009 (UTC)

Re. stub[editar]

Quanto aos stubs, para mim liqüidação é um stub feito por um editor que segue livro de estilo (ignora a "reciclagem" inserida pelo Diabo...). Já binga, não. Considero que o primeiro é algo perfeitamente aceitável quando se tem pressa ou não se possui toda a informação naquele momento. Já o segundo, dá quase mais trabalho do que se não existisse, e eu não o faria. Malafaya 19h45min de 13 de novembro de 2009 (UTC)

Votação[editar]

Você está modificando uma votação que já teve início. -- Isaac Mansur Correio 17h42min de 15 de novembro de 2009 (UTC)

Eu afirmei que o link que está no início da votação é o válido, o que leva ao Livro de Estilo com o cabeçalho novo, nada mais além disso. Você modificou uma votação que já teve início; não pedi que você a modificasse. -- Isaac Mansur Correio 17h49min de 15 de novembro de 2009 (UTC)
Eustáquio, vou repetir, o link apresentado no início da votação leva exatamente para a última versão do Livro de Estilo com o cabeçalho novo. Falei isso várias vezes e não sei qual foi a parte que você não entendeu das minhas frases até bem curtas e claras. Acho que você, agora, quer embargar uma votação em curso, calando todos nós. É assim? Vá em frente. -- Isaac Mansur Correio 18h00min de 15 de novembro de 2009 (UTC)
Essa é a versão que está sendo votada. -- Isaac Mansur Correio 18h05min de 15 de novembro de 2009 (UTC)
Eu copiei o mesmo link que está no início da votação, ou seja, é o mesmo link sobre o qual eu estou falando desde o início para você e somente agora você entendeu qual era o link. Outra coisa: você modificou novamente a página de votação. -- Isaac Mansur Correio 18h25min de 15 de novembro de 2009 (UTC)
O Simon inseriu uma nova seção, a qual eu não havia inserido no início da votação. Portanto, isso também e considerado vandalismo, pois não se muda uma votação quando a mesma já teve início. Creio que isso é uma regra básica e que todos conhecem. Se você me bloquear por esse fato, será bastante imparcial. Enfim, essa é a segunda vez que você faz ameaças: a primeira foi embargar a votação; a segunda, tomar providências contra mim. Enfim, sinto muito que você ameace, mas, vá em frente. -- Isaac Mansur Correio 18h38min de 15 de novembro de 2009 (UTC)
Ele poderia ter falado com quem abriu a votação para que a seção fosse inserida. Mas, se é assim, todos podem abrir seções, caso sua opinição não se encaixe em uma das opções, tudo bem, que assim seja feito. Outra coisa, Eustáquio, minha profissão não faz de mim o melhor dos seres, e nem tenho de ser perfeito, mas me faz pensar sobre os seres... entendeu? Acho que não, enfim, deixa para lá. Pode continuar com suas modificações, inserções, embargos, o que mais quiser, inclusive suas ameaças, não ligo para elas, pois eu sei que meu trabalho aqui é louvável e assumo boa-fé em tudo o que faço. Vou ficar apenas na construção de verbetes, que é o que sei fazer melhor. Já tenho muito o que fazer para ficar me cansando com algo que eu e alguns outros acham completamente infrutífero: argumentar com você. Paz! -- Isaac Mansur Correio 18h59min de 15 de novembro de 2009 (UTC)
Já expliquei porque fiz a reversão do Simon e, mesmo assim, fui considerado vândalo, depois de todas as minhas contribuições e combate aos vandalisimos reais que ocorrem por aqui. Melindro-me sim, quando alguém não consegue também, só um pouquinho, entender a posição de quem abriu a votação ou da vontade que se tem de fazer mudanças. E olha que tudo isso aconteceu por causa de uma votação (antes não a tivesse aberto). Eu respeito muito a contribuição de todos aqui, mas minha votação foi modificada e ninguém me disse que o faria. Eu me lembro uma vez, assim que eu entrei no projeto, que você ficou chateado com um usuário (acho que foi o Jesiel) por ter feito alterações em alguns verbetes que você criou e, como o usuário não falou antes com você sobre as mudanças, você ficou melindrado. Baseado nisso, por que ninguém falou comigo antes de alterar algo como uma votação, o que não se pode modificar no meio do processo? Isso também me chateou, mas você preferiu pensar que eu era o vândalo. Sem problemas. Eustáquio, você disse para não te querer mal, eu não quero nem mal, nem nada. Pensei, seriamente, em deixar o projeto por achar que você quer fazer sua posição valer mais do que a dos outros, mas não vou deixá-lo. Vou ficar calado, no meu canto, trabalhando, contribuindo, observando e aprendendo, pois é isso que acontece quando se começa a conversar com você: um afastamento (e isso não é bom, mas eu vou fazer o quê). Quando eu percebo que não dá para argumentar com alguém, deixo que ele fique livre e faça o que quiser (já que aqui tudo se pode, só eu é que não posso), mas me deixe no meu canto também e ficamos em paz. Por favor, Eustáquio, eu te peço, agora chega, está certo? Estou chateado (muito chateado mesmo, voce não sabe o quanto. Preciso ficar no meu canto, por favor, respeite isso) e o Wikcionário é um local em que gosto de ficar e relaxar. Não me faça ir embora. Me deixe em paz, por favor. Continue com o seu trabalho, com tudo o que quiser fazer por aqui, só me deixa em paz. Se você não entender esse meu pedido, não sei mais o que fazer ou dizer. -- Isaac Mansur Correio 19h40min de 15 de novembro de 2009 (UTC)

Re: Opinião na página de votação[editar]

Olá Eustáquio. Como vai?

Obrigado por perguntar. Não, não gostaria que você repusesse a minha opinião na página de votação, prefiro deixar como está. Só adicionei a opinião secundária na página de votação pois falei com o Jesiel e ele falou que era permitido fazer (e eu mesmo achei que fosse, olhando outras votações). Daí começou uma discussão entre o Isaac e eu em que me senti insultado. Procuro discutir com as pessoas de forma não-pessoal, não sendo cínico, sarcástico, irônico nem nada, buscando objetividade, mas obtive hostilidades e sarcasmo. Como eu não gosto de falta de educação, prefiro deixar ele lá com a votação dele e me abster de votar dessa vez, mesmo sabendo que meu voto poderia decidir esta votação.

No final das contas, considero a votação válida, pois, diferente da sua opinião (que respeito, claro, ninguém pensa igual, e nem deve), acho que o livro obrigatório pode ser benéfico. Não considero a obrigatoriedade uma coisa ruim, afinal de contas contribui quem quer, e além disso o termo obrigatório coage um pouco e estimula o contribuidor a fazê-lo da melhor forma. Além disso, o novo texto, sem o termo obrigatório, ficou melhor. Entretanto, acho que o livro deveria ter suas partes votadas integralmente antes de entrar em operação, ao contrário dos outros que preferem que ele opere capenga.

Tanto tempo com um livro imperfeito, e querem correr agora? Vamos perder tempo, claro, mas acho que é um tempo perdido válido.

Desculpa ter me alongado. Abraços, Simon Delabie blá-blá-blá 20h07min de 15 de novembro de 2009 (UTC)

Citações desabonadoras[editar]

Olá Eustáquio!

Citação: Você escreveu: «Peço-lhe encarecidamente que não faça mais citações desabonadoras sobre o meu caráter»

Se você tivesse lido até o fim a minha mensagem para o Cadum, teria visto a parte em que eu digo "Mas bem, não quero mais continuar discutindo o caráter de uns e outros". Eu já havia me "auto-banido" da discussão na Esplanada e na página do LE, só estava respondendo ao Cadum para refrescar a memória dele sobre o que realmente havia acontecido. Não vou mais continuar a discutir o assunto, onde quer que seja.

--Valdir Jorge  fala!
Liberdade sim, anarquia não! 20h26min de 15 de novembro de 2009 (UTC)

questão[editar]

Bem, queria comentar algo com você. Será que você podia usar # ao invés de :# ao criar os verbetes? Isso para seguirmos um padrão e porque o :# lança a palavra desnecessariamente muito na frente. Em verbetes como os hebreus em que, talvez, o tamanho dos caracteres ofusquem a definição, eu não digo nada. Mas, em verbetes gregos ou em qualquer outro em que os caracteres fiquem em tamanho normal não vejo razão de se usar :#. Outra coisa é o {{PAGENAME}}, qual a necessidade deles?? Novamente, em verbetes em hebaico que os caracteres são ao contrário e difícil de manipular talvez seja aceitável o PAGENAME, mas nos outros qual a necessidade? Por favor, não me responda com brutalidade. --Jesiel通信 23h53min de 18 de novembro de 2009 (UTC)

Na verdade somos eu e o Malafaya que "não vamos com a cara" do PAGENAME. Isso porque ele complica ainda mais o código fonte para usuários inexperientes e, também, porque ele não tem muita razão de ser usado, já que não é muito difícil copiar o título da página. Mas, se você diz que só o usa para caracteres de palavras não latinas o mal é menor. Mas, você se incomodaria se eu programasse um bot para mudar todos os {{PAGENAME}} para as palavras que eles mostram?? (Isso nem é possível porque o PAGENAME não é localizável pelo bot, mas às vezes quando estou editando outra coisa eu os substituo quando os encontro pelo caminho, por isso quero sondar a sua opinião.) --Jesiel通信 01h57min de 19 de novembro de 2009 (UTC)

Boas-vindas[editar]

Obrigado por sua mensagem. Meu processo de estudo é lento, quer dizer, a familiarização, mas vou contribuir uma hora ou outra. Qualquer coisa, pergunto. Sds, Mauro Salles 12h54min de 20 de novembro de 2009 (UTC)

Re.:κρεβατοκάμαρα[editar]

Ok, de nada. Abraço! - Bille ® 22h39min de 26 de novembro de 2009 (UTC)

chinesa0[editar]

Olá Eustáquio!

alguns verbetes chineses criados por você nos quais você escreveu (escrita chinesa0 ao invés de (escrita chinesa). Será que você poderia revê-los? Obrigado.

--Valdir Jorge  fala!
Liberdade sim, anarquia não! 13h18min de 28 de novembro de 2009 (UTC)

Citação: Você escreveu: «Obrigado pelo aviso. Estou revendo, mas pode demorar pq estou tendo problemas de conexão.»
Ah, encontrei um outro problema: em alguns verbetes (veja lista abaixo) os planetas do sistema solar estão grafados com inicial minúscula.
Respondo ao seu outro questionamento mais tarde, agora preciso ir cuidar de umas coisinhas na "vida real"... :-)
--Valdir Jorge  fala!
Liberdade sim, anarquia não! 13h30min de 29 de novembro de 2009 (UTC)

[editar]

Olá Eustáquio. Eu estou insistindo nisso porque a página não tem uma seção substantivo. Eu sei que 星 é um substantivo só que a página não traz essa informação ela apenas traz a informação do caractere hanzi. Eu comentei na página de discussão do artigo, dê uma olhada. --Jesiel通信 18h14min de 29 de novembro de 2009 (UTC)

Re: Vandalismo no verbete 星[editar]

Olá Eustáquio!

Citação: Você escreveu: «Gostaria de pedir sua interferência junto ao seu amigo Jesiel.»

Já entrei em contato "em off" com ele a respeito.

Citação: Você escreveu: «Esse é um caso clássico de vandalismo (não é nem guerra de edição)»

Eu até já havia comentado com o Jesiel a respeito na página dele pois ele desfizera parte de uma edição que eu havia feito. Por isso nem quero tomar partido nesse caso. Mas acho que chamar o Jesiel de vândalo é um pouco forte, não é mesmo? O que eu vejo é dois contribuidores que cada um de seu lado têm certeza de que estão certos e não abrem mão de "provar" isso...

Citação: Você escreveu: «pois ele está retirando informações básicas do verbete, ou seja, a classe gramatical.»

No entanto, a justificativa dele tem algum fundamento, não? Eu não concordo com ela, já disse isso para ele em minha mensagem em off, mas a justificativa pelo menos tem mérito.

Citação: Você escreveu: «É contra esse tipo de atitude autoritária que eu me bato.»

E isso é muito louvável de sua parte. Mas penso que você deveria escolher melhor contra quem se bater. Tem muito vândalo fazendo coisa muito pior do que retirar a classe gramatical de um verbete e eu não vejo você fazendo muita coisa contra eles. Aliás, você até criticou a mim e ao Jesiel pelo trabalho incansável que fazemos, o que é um bocado estranho vindo de um administrador e burocrata...

--Valdir Jorge  fala!
Liberdade sim, anarquia não! 20h28min de 29 de novembro de 2009 (UTC)

Elementos químicos[editar]

Olá Eustáquio!

Por favor, reveja as modificações que fez recentemente nos verbetes एलुमिनियम e אלומיניום. Você retirou o link para predefinições que ainda não existem e substitui-as pela predefinição "genérica". Estava correto como estava antes de sua intervenção. Veja, por exemplo, o verbete stagno que eu acabei de criar: essa palavra vale para três idiomas diferentes (italiano, liguriano e vêneto). Em italiano e em vêneto a predefinição já existe e portanto aparece no verbete. Já em liguriano ela não existe ainda e, portanto, fica em vermelho até alguém criá-la. Se aplicássemos sua modificação aqui, ninguém ficaria sabendo que essa predefinição precisaria ser criada...

--Valdir Jorge  fala!
Liberdade sim, anarquia não! 10h41min de 30 de novembro de 2009 (UTC)

Lojban[editar]

Olá Eustáquio!

No começo de 2006 você criou alguns verbetes no idioma lojban aqui em nosso projeto. Duas das categorias que você usou foram Palavra Estrutural (Lojban) e Palavra Raiz (Lojban). Ora, estas categorias estão agora com o nome errado segundo a nova nomenclatura de categorias. Portanto eu fui começar a corrigi-las, mas me deparei com um problema: as duas têm categorias sinônimas em Cmavo/Cmavo (Lojban) e Gismu, respectivamente. Penso que só um desses pares deveria permanecer, o outro deveria ser eliminado por ser duplicação.

Se formos manter o primeiro par (Palavra Estrutural (Lojban) e Palavra Raiz (Lojban)), vamos precisar corrigi-los de acordo com a nova nomenclatura (inicial minúscula na segunda palavra). No entanto, eu penso que seria mais apropriado manter o segundo par (Cmavo e Gismu) pois nenhum outro idioma tem "palavras estruturais" e "palavras raízes".

O que você pensa?

--Valdir Jorge  fala!
Liberdade sim, anarquia não! 12h02min de 8 de dezembro de 2009 (UTC)

Olá Eustáquio!
Citação: Você escreveu: «Sim, concordo que manter o segundo par seria mais lógico, pela razão que você mencionou, porém isso não vai ficar estranho para quem não sabe nada de Lojban?»
É, talvez seria. Mas a gente sempre pode colocar uma boa explicação na categoria para dizer direitinho o que é um cmavo e o que é um gismu. E links também nos verbetes para esses conceitos.
--Valdir Jorge  fala!
Liberdade sim, anarquia não! 21h31min de 8 de dezembro de 2009 (UTC)
Olá Eustáquio!
Citação: Você escreveu: «Por mim está bem, você faz as alterações?»
Sim, farei.
--Valdir Jorge  fala!
Liberdade sim, anarquia não! 23h50min de 8 de dezembro de 2009 (UTC)

Re.: Ainda sobre Chinês x Mandarim[editar]

Eu entendi que 中文 refere-se a linguagem como um todo. O problema é que o verbete contém definições das palavras usadas no 汉语, e não no chinês como um todo. Usar "chinês" como cabeçalho de uma palavra que tem "mandarim" é, de certo modo, desmerecer os outros dialetos afirmando que apenas o mandarim pode ser considerado como o chinês e o cantonês, etc., não. -- :-) Jesiel通信 02h50min de 13 de dezembro de 2009 (UTC)

E, repare na frase "我目前在学习现代汉语". A pessoa usou 汉语 pra se referir ao idioma que ela está estudando e sobre o qual ela irá procurar no dicionário. Eu disse isso na Esplanada, nunca vi os estudantes dizerem que estudam 'chinês' e sim mandarim. -- :-) Jesiel通信 02h51min de 13 de dezembro de 2009 (UTC)

(me perdoe a resposta rápida, tô sem tempo agora) Re: 星 de novo > veja a versão do verbete em chinês/mandarim.-- :-) Jesiel通信 19h29min de 13 de dezembro de 2009 (UTC)

Ué, o nosso Wikcionário também tem muitas palavras iniciadas por anônimos e nem por isso são falsas. Talvez seja algum regionalismo ou gíria. O seu dicionário é de chinês-chinês? Se em um de BOM dicionário de chines-chines não tiver daí eu concordaria com você. -- :-) Jesiel通信 23h44min de 13 de dezembro de 2009 (UTC)

A última discordância em 星[editar]

Eustáqui, eu sei que as leituras estão motradas acima, porém nos verbetes de substantivos com mais de um caractere (em japonês, chinês e coreano) eu sempre sigo esse padrão. Não é um problema repetir a informação, um problema seria a falta dela. E, também, caso um verbete de hanzi seja mais extenso (com as seções, adjetivo, advérbio, substantivo, etc.) facilita ao leitor o conhecimento da informação. Por que você não gosta dessa 'repetição'? Eu acho que é um bom padrão e também acho que as subseções devam ser 'autosuficientes' quanto a essa informação. -- :-) Jesiel通信 00h52min de 15 de dezembro de 2009 (UTC)

Veja, Eustáquio, você tem alguns estilos bem estranhos na criação de verbetes. Eu não concordo com o estilo que você cria os verbetes em árabe e em hebraico. Mas, eu nunca quis ir discutir isso porque eu não quero te cercear e eu sei que cada um tem um estilo, não tendo padrão nehum. Em comunidades maiores, naturalmente os integrantes que editam vão discutindo e chegando a um pedrão (tenha aqui um exemplo). Se eu quisesse chamar a comunidade para decidir o padrão que se deve editar um verbete em hebrico, aposto que vocâ não iria gostar e iria diminuir a sua vontade de criar esses verbetes, o mesmo aconteceria se alguém quisesse mudar totalmente o jeito que eu edito os verbetes em japonês, com a predefinição predefinição:cabeçalho-ja que eu inventei. Até mesmo no verbete 星 eu não gosto do jeito que você indica a romanização, prinicpalmente 'linkando' as palavras pra wikipédia anglófona.
No caso em questão, eu acho muito importante indicarmos a leitura do caractere na frente dele, da mesma forma que repetimos a palavra e a informação na frente dela nos verbetes em português no começo de cada cabeçalho (substantivo/palavra masculino (plural x) >>>> adjetivo/palavra masculino). Além disso, nos verbetes em coreano e em chinês que eu edito, eu gosto de seguir esse padrão anglófono de indicar as leituras na frente do caracter.
Então, nós podemos, dizendo a grosso modo, fazer 'vista' grossa sobre pequenos detalhes do estilo de um e de outro e conviver 'bem' quanto a isso ou podemos ir discutir isso e levar a Esplanada pra que a maioria decida o nosso 'impasse'. Acontece que, realmente, os membros atuais da nossa pequena comunidade não editam esses verbetes e eles iriam decidir sobre uma coisa que não editam. Além disso, acho que eles já estão 'saturados', nesse mês, de comentar e discorrer sobre essas coisas. O problema de estar saturado é decidir algo superficialmente, sem discutir o suficientemente por isso.
Então, eu temos 3 possibilidades. Podemos, como disse, a grosso modo, fazer 'vista grossa' sobre esses pequenos detalhes de nossos estilos pessoais. Você pode 'abafar' esse caso agora e proporemos essa discussão mês que vem, quando os ânimos estiverem um pouco mais descansados. Ou, poderemos iniciar outra longa discussão agora.
Como participamos de um projeto colaborativo, acho que devemos 'aturar' ou melhor 'dar uma abertura' para algo que não gostamos e recebermos uma 'abertura' de algo que os outros não gostam em nós. Isto é, acho que devemos chegar numa 'média', que nos agrada em alguns pontos e não em outros.
O fato de a nós entrarmos em 'embates' frequentes é que nós dois somos pessoas de opinião forte, que não desistimos de lutar pelo que acreditamos ser o mais certo e o fato de ainda não termos aprendido a lidar um com o outro. Acredito que no futuro nós aprenderemos os limites e as coisas boas de cada um e entraremos em uma convivência pacífica. Por exemplo, apesar de não gostar do seu estilo eu acho muito bom o fato de você colocar a transliteração nos verbetes em hebraico e árabe, realmente isso é muito útil e são poucos os Wikcionários que fazem isso (ou que têm usuários áptos a fazê-lo).
Bem, mas o foco dessa conversa é mesmo o impasse nos verbete 星, o que faremos?

(P.S.: Meu português é meio falho, sobretudo quando não releio atentamente o que escrevi. Desculpe-me pelos possíveis erros e obrigado por ter me corrigido na Esplanada.) -- :-) Jesiel通信 21h59min de 15 de dezembro de 2009 (UTC)


Você ainda não comentou sobre o e-mail que o usuário chinês me mandou e que colei na Esplanda. Concorda com os significados apresentados por ele? Eu estava esperando que você me ajudasse a traduzir alguns deles. -- :-) Jesiel通信 11h47min de 16 de dezembro de 2009 (UTC)

Re.: Topônimos - critérios de inclusão[editar]

Olá, Eustáquio,

Sim, acho que a votação deve acontecer. Já dissemos muito sobre o assunto e creio que todos nós já temos uma posição. Não gostaria de iniciar a votação novamente. Você pode fazê-lo? A única dúvida que tenho é quanto à inclusão de bairros com nome de pessoas, pois eles realmente existem. Gostaria que eles fossem contemplados da mesma forma. Receba meu abraço, -- Isaac Mansur Correio 21h04min de 18 de dezembro de 2009 (UTC)

Boas festas[editar]

Happy new year 06463.jpg
cquote1.svgDesejo-lhe um feliz Natal e um novo ano próspero de realizações, superações, muita paz, criatividade e trabalho lexicográfico. cquote2.svg

-- :-) Jesiel通信 22h54min de 24 de dezembro de 2009 (UTC) 17h33min de 24 de dezembro de 2009 (UTC)

Re: Categoria:Caractere Han[editar]

Citação: Eusbarbosa escreveu: «Jesiel, você criou essa categoria(...) Não acha que devíamos eliminá-la?»

Não. A categoria indica quais das muitas páginas de kanji trazem especificamente uma seção que trata do caractere e seu uso em vietnamita. Ou seja, se alguém quiser saber quais páginas trazem essa informação a pessoa não precisa ficar abrindo caractere por caractere na categoria hanzi até achar as páginas que trazem a informação específica em vietnamita, é só ela visitar a Categoria:Caractere Han.

Vários outros Wikcionárionários também usam a categoria, eu adicionei lá os interwiks. -- :-) Jesiel通信 00h11min de 30 de dezembro de 2009 (UTC)

É assim, há várias páginas de caracteres chineses com várias seções (cantonês, chinês, japonês, coreano, etc.) mas nem todas as páginas têm informções de todos esses idiomas. Assim, se alguém quiser saber qual página tem informação sobre o caractere chinês como é usado no Japão ele consulta a categoria kanji, se ele quiser saber sobre a acepção coreana do caractere ele consulta a categoria hanja e se alguém quiser saber informações sobre o caractere na língua vietnamita ele consulta a categoria caractere han. Todos os verbetes dos caracteres listados na categoria caractere han contém uma seção com a leitura do caractere no idioma vietnamita. Deste modo também fazém vários outros Wikcionários, basta ver na categoria os interwiks, isto é, colocam uma categoria especial para listar os verbetes de caracteres chineses que contém uma seção com a acepção vietnamita.
(PS. Você poderia colocar na sua assinatura um link pra sua página de discussão? Toda vez que eu tenho que te mandar uma mensagem sou obrigado a vir na sua página e depois clicar em discussão... Pode ser um link escondido em alguma letra, caso não queira escrever 'discussão', ou algo do tipo). -- :-) Jesiel通信 19h40min de 30 de dezembro de 2009 (UTC)
Pra mim parece mais legal Hán tự, porque começa com Han... Não acha melhor colocar só a categoria como Hán tự ou chữ Hán e deixar o nome da seção como Caractere Han? E qual dos dois você prefere? -- :-) Jesiel通信 19h45min de 31 de dezembro de 2009 (UTC)
Já substitui a categoria Caractere Han pela Categoria:Hán tự. Se um dia resolvermos mudar os nomes das seções, eu posso fazer facilmente com o bot também. Valeu. -- :-) Jesiel通信 22h26min de 31 de dezembro de 2009 (UTC)

Persa ou árabe?[editar]

Olá Eustáquio!

O verbete خباز, criado por você, indica que essa palavra pertence à língua árabe. No entanto, os três outros wikcionários que apresentam esse verbete classificam-no como sendo persa. Será que você poderia confirmar isso? Obrigado.

--Valdir Jorge  fala!
Liberdade sim, anarquia não! 12h06min de 30 de dezembro de 2009 (UTC)

Olá Eustáquio!
Citação: Você escreveu: «Complementando: é lógico que se existe em persa também, vale acrescentar o idioma. Você faz ou eu faço?»
Yes check.svg Feito!
--Valdir Jorge  fala!
Liberdade sim, anarquia não! 13h24min de 31 de dezembro de 2009 (UTC)

[editar]

Desculpe, não tinha visto essa mensagem.

Algumas palavras japonesas recebem uma classificação totalmente diferente da nossa, sobretudo os advérbios (como 明日, 来年) que sem as partículas são classificados como substantivos. Essa palavra é um desses casos. O Michaelis e o dicionário da Fundação Japão (um dicionário patrocinado pelo consulado geral do Japão no Brasil) dão a mesma classificação, substantivo e advérbio. Bem, caso não acredite em mim eu posso tirar fotos dos dicionários e te mostrar. -- :-) Jesiel通信 19h31min de 30 de dezembro de 2009 (UTC)

Hum, não acho legal classificar como pronome uma coisa que não é, de verdade, consderada um pronome, pois isso estaria errado e poderia prejudicar o estudo da língua. Mas, vou colocar uma nota, achei boa a idéia. Aliás, há várias palavras em japonês que podem parecer estranho aos lusófonos, como 欲しい que é um adjetivo em japonês mas é traduzido como um verbo. Nesse caso eu coloquei uma nota. -- :-) Jesiel通信 00h34min de 31 de dezembro de 2009 (UTC)
Às vezes eu posso parecer meio arrogante nas respostas, mas não liga não, eu ainda não aprendi a me expressar melhor. Obrigado pelo 'toque', achei que foi muito bom adicionar uma nota lá. -- :-) Jesiel通信 01h17min de 31 de dezembro de 2009 (UTC)