Discussão:Gêmeos

Origem: Wikcionário, o dicionário livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Tonicidade[editar]

Não me parece que Gêmeos possa ser classificada de [Categoria:Proparoxítona Aparente (Português)] dentro do grupo das proparoxítonas por:

  • o encontro final -os não ser átono;
  • o encontro final -os não pertencer à colecção -ea, -eo, -ia, -ie, -io, -ua, -ue e -uo
  • ser exemplificado aqui [[1]] como sendo um trissílabo sem qualquer margem para a existência de dúvidas
    • confrontar com gêmeo (gê.me:o) [[2]]

Pode-se retirar do verbete a classificação [Dissílabo (Português)] e passar a classificação [Proparoxítona Aparente (Português)] para [Proparoxítona (Português)] refazendo a divisão silábica e a partição para a translineação?
Diabo e Santo

Está feito. Não há grande dúvida, dada a informação do Aulete. Curioso isso de, no Brasil, "gê.me:o" ser paroxítona e "gê.me.os" ser proparoxítona. Se ninguém se opuser à alteração, desativa-se a discussão... Malafaya 10h57min de 25 de agosto de 2009 (UTC)
Para mim deve ter sido erro de digitação no Aulete. Não tem sentido o singular ser paroxitona terminada em ditongo e o plural ser proparoxítona.
--Valdir Jorge  fala!      Canadá
Não alimente o troll! ;-) 11h07min de 25 de agosto de 2009 (UTC)
Existe mais alguma fonte (brasileira) que contenha esta informação? Malafaya 12h39min de 25 de agosto de 2009 (UTC)
Não tenho nenhuma fonte fidedigna. A única coisa que encontrei foi um site jurídico...
--Valdir Jorge  fala!      Canadá
Não alimente o troll! ;-) 12h59min de 25 de agosto de 2009 (UTC)

Pesquisei em várias fontes, as que apresentam a divisão silábica são o Michaelis e o MorDebe. Os dois apresentam a mesma divisão: "Gê.meos". O primeiro é uma fonte brasileira e o outro é portuguesa. Assim, não há a divisão "Gê.me.os" ou "gê.me.o". Լսɑɴ fala! 22h05min de 17 de outubro de 2009 (UTC)

Segundo o dicionário Aurélio o correto é gê.meos. Outra coisa, essa palavra tem acento por causa do ditongo oral seguido de s por isso não se encaixa em -ea, -eo, -ia, -ie, -io, -ua, -ue e -uo e sim em -eas, -eos, -ias, -ies, -ios, -uas, -ues e -uos. Para mim isso é uma paroxítona comum e não aparente, sendo um dissílabo. mário júnior 14h50min de 22 de dezembro de 2009 (UTC)
Olá Mário!
Sim, para nós brasileiros é com certeza uma paroxítona terminada em ditongo. Mas os portugueses fazem a divisão silábica diferente da nossa nesse caso. Todas as nossas paroxítonas terminadas em ditongo são consideradas proparoxítonas por eles. Veja esta discussão para ver todos os detalhes a respeito.
--Valdir Jorge  fala!
Liberdade sim, anarquia não! 16h04min de 22 de dezembro de 2009 (UTC)