nada

Origem: Wikcionário, o dicionário livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wikipédia
A Wikipédia possui o
artigo nada

Composição de bandeiras de países e regiões que falam português Português[editar]

Advérbio[editar]

na.da

  1. não
  2. de modo nenhum

Pronome[editar]

na.da, indefinido

  1. nenhum objeto
    • Quando cheguei, nada estava em seu lugar.

Sinónimos[editar]

Tradução[editar]

Substantivo[editar]

na.da

  1. ausência de quantidade
  2. a não existência
    • Não sou nada. / Nunca serei nada. / Não posso querer ser nada. / À parte isso, tenho em mim todos os sonhos do mundo. // Álvaro de Campos (Fernando Pessoa) in Tabacaria
  3. bagatela

Sinónimos[editar]

  • De 1: (antigo) jota

Antônimo[editar]

Expressões[editar]

  • é nada: expressão semelhanta a "não acredito" ou "fala sério"; utilizada para demonstrar seu espanto sobre alguma informação recebida que seja difícil de se acreditar.

Tradução[editar]

Forma verbal[editar]

na.da

  1. terceira pessoa do singular do presente do indicativo do verbo nadar
  2. segunda pessoa do singular do imperativo do verbo nadar

Pronúncia[editar]

Brasil[editar]

Paulistana e Caipira[editar]

  • AFI: /ˈna.də/
  • SAMPA: /"na.d@/

Anagramas[editar]

  1. anda
  2. dana


Composição de bandeiras de países e regiões que falam catalão Catalão[editar]

Forma verbal[editar]

nada

  1. flexão do verbo nadar


Espanha Espanhol[editar]

Substantivo[editar]

nada

  1. nada


Galiza (Espanha) Galego[editar]

Pronome[editar]

nada

  1. nada


Países Baixos Holandês/Neerlandês[editar]

Pronome[editar]

nada

  1. nada


Indonésia Indonésio[editar]

Substantivo[editar]

nada

  1. tom


Língua inglesa Inglês[editar]

Substantivo[editar]

nada

  1. nada


ArubaCuraçao Papiamento[editar]

Substantivo[editar]

nada

  1. zero


Servocroata/Servo-croata[editar]

Substantivo[editar]

nada

  1. esperança