Wikcionário:O que o Wikcionário não é

Origem: Wikcionário, o dicionário livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Wiktionary small.svgProhibitionSign2.svg Ao contribuir para o Wikcionário podem surgir dúvidas sobre sua abrangência de conteúdo, o que é permitido e o que foge ao escopo do projeto. Assim, esta página traz esclarecimentos sobre o que o Wikcionário não é. Antes disso, tenha em mente que o Wikcionário é um dicionário: tem como foco a descrição das palavras, a sua pronúncia, a apresentação de sinônimos e antônimos, a tradução para outros idiomas e conceitos relacionados. Então, se uma definição se torna prolixa e ocupa mais de uma ou duas frases, por exemplo, é melhor editar o artigo equivalente da Wikipédia e adicionar uma ligação para ele no verbete do Wikcionário, a fim de que não ocorra fuga ao propósito do projeto. Este é apenas uma ilustração do assunto, leia mais na lista abaixo.

O que o Wikcionário não é[editar]

No Movimento Wikimedia há um projeto para cada propósito específico, o Wikcionário é um deles.
  1. Uma enciclopédia. Para isso, veja Wikipédia.
  2. Uma coletânea de citações. Para isso, veja Wikiquote. Embora possuamos o domínio Citações, este deve abrigar apenas frases que contenham o termo em questão.
  3. Um livro já concluído. Para isso, veja Wikisource.
  4. Um livro sendo escrito e ampliado de forma livre (copyleft). Para isso, veja Wikilivros.
  5. Um local para colocar documentos de domínio público, como código-fonte, documentos históricos, leis, cartas, livros ou poemas completos.
  6. Um local para anunciar ou catalogar empresas, produtos e serviços.
  7. Um local para colocar informações pessoais de qualquer tipo.
  8. Uma página pessoal.
  9. Um diretório virtual.
  10. Um fórum.
  11. Um weblog.

Ver também[editar]