Discussão:usted

Origem: Wikcionário, o dicionário livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Quadro de declinação na seção Declinação[editar]

Como é óbvio e instrui o Wikcionário:Livro de estilo, os quadros de declinação ficam na seção chamada Declinação. Não é necessário um quadro de flexão de número, uma vez que isso já é mostrado na declinação, logo seria repetição, redundância. Luan (Discussão) 21h58min de 16 de fevereiro de 2016 (UTC)


Citação: Jéssica S. Ciqueira escreveu: «Então que se tire a caixa de declinação, essa caixa de declinação está mostrando informação que deveria ir na seção No Wikcionário e poluindo o visual, e inverdade que o Livro de estilo instrui isso que você diz, o LE é omisso quanto a isso, basta ler a versão atual e para que ninguém se perca nas minhas voltas aqui está a página cujo conteúdo é a atual versão do Livro de estilo, é citado zero conteúdo de como deve ser estilizado a seção Declinação na versão atual do LE.
Há adjetivos com caixas de declinação e quadro de flexão que te contesta clamorosamente acerca do que é e do que não é necessário, olha até tenho um exemplo aqui: alto, oh my day, quem diria, inclusive o Livro de estilo não diz que uma coisa anula outra (mas não se perca na minha volta), onde ele diz isso que um verbete não pode ter quadro de flexões por ter uma caixa de declinação nesse presente dia 16/02/2016? Ou mesmo que redundância é apontada como razão para tirar o quadro de flexão (única coisa chamável de quadro que é exemplificado na página do LE) em prol daquilo que está na seção Declinação e que a seção Declinação repetindo aquilo que está no quadro de flexão é que não é causadora da redundância que ela não devia causar e não o contrário?
A seção de declinações foi criada para mostrar declinações nas formas superlativas e para graus comparativos, aumentativo e diminutivos e coisas além do que vai no quadro de flexão, quadro de flexão este que antigamente tinha a forma como uma linha posposta lateralmente ao termo escrito abaixo do cabeçalho de idioma, se fosse para usar assim a seção Declinação como você diz agora até incluindo flexão em gênero e número nos pronomes se usaria dessa mesma forma até nos substantivos onde há declinação e se eliminaria os quadros de flexão, e não é isso que há e onde é que não há quadros de flexão nos substantivos? Há um porquê de as declinações para flexão em número e gênero não irem na seção Declinação que é os quadros de flexão são para isso, sempre foram, em alto não há repetição de informação e mesmo que existisse, o conteúdo da seção Declinação é que tinha de ser revisto para se retirar o que não condiz com o verbete dali assim como a redundância que ali estivesse. --Jéssica S. Ciqueira (Discussão) 22h54min de 16 de fevereiro de 2016 (UTC)»
@Jéssica: o mundo não gira ao seu redor, nem minhas contribuições são feitas te caçando.
O quadro de flexão que insiste em colocar traz a informação do plural. O quadro de declinação traz essa mesma informação e outras (variações em pessoa e caso). Logo é redundância, repetição sim, e é obviamente preferível não ter os dois e adotar somente aquele que provém mais informações. Realmente não está escrito expressamente no LE, apenas subentendido (erro meu), mas está em Wikcionário:Políticas.
Citação: Wikcionário:Políticas#Questões referentes a edição e ao modelo de edição escreveu: «É legítimo o uso de quadros de flexão ao invés da forma corrida para a listagem das flexões de gênero, número e caso. Se eles forem grandes, recomenda-se que sejam colocados numa seção à parte, chamada "Flexão/Declinação", dentro da página do verbete.»
Sobre o caso do verbete alto, se olhar no histórico, fui eu quem o deixou assim para testar a nova versão de {{flex.pt.adj.grau}} e apresentar à comunidade (coisa que ainda farei de forma completa, fiz parcialmente). Logo estará sem repetição de informação. Luan (Discussão) 19h06min de 18 de fevereiro de 2016 (UTC)
Na verdade não há duplicação de informação em "alto", pois não há na caixa da seção Declinação o "grau normal", para que se repita as variações em gênero e número dentro desse grau. Há as variações do superlativo e comparativo, para cada gênero e número. Luan (Discussão) 00h00min de 29 de fevereiro de 2016 (UTC)