soberano

Origem: Wikcionário, o dicionário livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Composição de bandeiras de países e regiões que falam português Português[editar]

Adjetivo[editar]

  Singular Plural
Masculino soberano soberanos
Feminino soberana soberanas
Comum aos dois
géneros/gêneros

so.be.ra.no, ( Datação: século XV; )

  1. relativo à soberania ou que lhe é característico; real
    • Mas as decisões do governo brasileiro, e, portanto, do povo brasileiro, precisam ser soberanas sobre a região. (notícia do jornal O Estado de São Paulo de 18 de outubro de 2007)
  2. que tem poder, grau ou autoridade suprema
    • Na Rua Augusta, uma das mais movimentadas da cidade, não há uma única peça e as papeleiras clandestinas reinam soberanas. (notícia do jornal O Estado de São Paulo de 26 de junho de 2006)
  3. supremo; preeminente; indiscutível

Tradução[editar]

Substantivo[editar]

so.be.ra.no

  1. monarca; rei, rainha ou outro dirigente supremo
    • Com essa decisão em mãos, Narmino encaminhará um parecer ao príncipe Albert 2º, chefe de Estado de Mônaco, a quem cabe a palavra final sobre o caso - uma formalidade, já que o soberano jamais contrariou um parecer de extradição. (notícia do jornal O Estado de São Paulo de 25 de setembro de 2007)
  2. pessoa que tem autoridade ou poder de governar
  3. moeda de valor variável de diversos países

Tradução[editar]

Etimologia[editar]

Do latim superānus.

Ver também[editar]

No Wikcionário[editar]

Na Wikipédia[editar]

Anagrama[editar]

  1. sobreano


Espanha Espanhol[editar]

Adjetivo[editar]

soberano

  1. soberano
    • Bolivia es un país soberano, digno, libre y democrático, que tiene un presidente indígena, que llegó al gobierno con el 54% del respaldo popular. (notícia do jornal Clarín - de Buenos Aires - de 12 de outubro de 2007)

Substantivo[editar]

soberano

  1. soberano
    • En los orígenes, la figura magnífica del rey unía dos ideas: la de nación y la de divinidad. Pero ahora que a gran parte del mundo se le ha dado por vivir en repúblicas y asegura que el único soberano es el pueblo, príncipes y monarcas andan desorientados. (notícia do jornal Clarín - de Buenos Aires - de 28 de outubro de 2007)