Ajuda:Guia de edição/Como criar uma página

Origem: Wikcionário, o dicionário livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Criando uma página a partir de uma ligação existente[editar]

Navegando pelo Wikcionário, você verá que muitas páginas ainda não foram criadas. As ligações para páginas ainda não criadas se diferenciam das demais por serem da cor vermelha. Para criar uma nova página, basta você clicar nessa ligação. O sistema abrirá uma página com o aviso Seguiu um link para um artigo que ainda não existe. Para criá-lo, escreva o seu conteúdo na caixa abaixo, mas se chegou aqui por engano clique no botão volta (ou back) do seu navegador. Após editar a página com o seu devido conteúdo, clique no botão Salvar página (localizado na parte inferior da página). Se antes de gravar a nova página você quiser ver uma amostra de como ficará o material, clique em Mostrar previsão.

 Miguel Sampaio Mont Mor


Começou a interessar-se por música aos 10 anos de idade quando ia para a casa de seu primo, Jorge Monte Mór, ouvir os últimos lançamentos de Elvis Presley, Little Richard e Bill Haley. Também era leitor assíduo da Revista do Rock e não perdia um programa "Hoje é dia de rock", na Rádio Mayrink Veiga. Ainda criança sua mãe costumava levá-lo a programas de auditório na Rádio Nacional. Pouco depois, passou a acompanhar a Jovem Guarda e nos aniversário pedia sempre um LP de presente. Frequentou os clubes Pavunense, Social, Nilopolitano e Ideal, sempre lotados em shows de Erasmo Carlos; The Fevers; Conjunto Super Bacana; Cláudia Barroso; Getúlio Cortes; Os Selvagens, e Renato e Seus Blue Caps. Aos 21 anos começou a investir no trabalho de colecionador. Chegou a receber 100 cartas por mês com solicitações das mais variadas gravações. Nos anos 1970, ingressou na gravadora Philips na qual trabalhou até o final dos anos 1980. Em seguida, passou a trabalhar em lojas especializadas em discos. Em 1987, conheceu o radialista Cirilo Reis, da Rádio Nacional, e passou a participar do programa Musishow como colaborador na produção, lá permanecendo até 2011. Ainda no referido programa, colaborou com contatos para entrevistas em estúdio, além de participar na elaboração das entrevistas com cantores, instrumentistas e compositores da Jovem Guarda, em especial, além de artistas da chamada "música popular romântica", tais como: Adilson Ramos; Agnaldo Timóteo; Nenéo; Claudia Telles; Diana; Eliete Velloso; Luiz Alberto; Orlando Dias; Silvio Cesar; Silvio Brito; Abilio Manoel; Nelson Ned; Majó; Jamelão; Maurileno Rodrigues e Carlos Roberto, dupla de compositores que compunha para o cantor Paulo Sérgio; Mauro Motta; Edson Wander; Marlene Cavalcante; Eduardo Araujo; Silvinha Araujo; Sergio Reis; Martinha; Maritza Fabiane; Elizabeth; Joelma; Katia Cilene; Vanusa; Wanderlea; Cleide Alves; Wanderley Cardoso; Sonia Mello; Sonia Delfino; Marlene; Emilinha Borba; Celly Campello; Tony Campello; Carlos Gonzaga; Sergio Murilo; Jerry Adriani; Jose Ricardo; Jose Roberto; Ed Wilson; Bobby de Carlo; Pedro Paulo; Giane; Goldens Boys; Os Vips; The Fevers; Renato e Seus Blue Caps; The Pop’s; Os Populares; The Brazilan Bitles; Trio Esperança; Lafayete e seu Conjunto; The Sunshines; Os Jovens; Deny, da dupla Deny e Dino; Leno Azevedo, e Lilian. Em 1989 e 1990, foi entrevistado na Rádio Mec, pela apresentadora Frida Veras em dois especiais sobre a Jovem Guarda. Como grande admirador da Jovem Guarda e dos artistas a ela ligados, sugeriu, juntamente com o amigo Francisco Leme do Prado, a adoção de nomes de ruas utilizando o nome de artistas mortos no anonimato como Rossini Pinto, Sérgio Murilo, José Ricardo e Celly Campelo. No começo dos anos 1990, foi um dos fundadores do programa "No tempo do Rock and Roll", apresentado por Carlos Alberto Peixoto entre 1990 e 1995. Foi convidado diversas vezes para falar sobre a Jovem Guarda nas Rádios Rio de Janeiro; O Dia, Programa Jorge Teixeira, e Rádio Relógio, no programa Joel dos Santos, as três no Rio de Janeiro, Rádio Solimões, de Nova Iguaçu, Rádio Bom Jesus de Itabapoana, e Rádio Educadora de Piracicaba. Colaborou com informações para a edição dos livros "O Rock and Roll - Origem e mitos" e "O Rock instrumental no Brasil e outros países", ambos de Laércio Pacheco Martins. Colaborou com o pesquisador Silvio Júlio, fornecendo toda sua discoteca de Jovem Guarda para os sites musicais "Clique music" e "Immub". Em 2003, foi um dos intrevistadores da cantora Celly Campelo, na última entrevista concedida por ela, que morreria dois meses depois. Em 2005 e 2006, colaborou na produção do programa "Bau da Tupi", criado por Cirilo Reis na Rádio Tupi. Em 2013, passou atuar como colaborador do Dicionáriop Cravo Albin da MPB fornecendo dados sobre variados artistas, em especial os dos pioneiros do rock e da Jovem Guarda, além de ficar responsável pelo facebook do Dicionário Cravo Albin da MPB. Recebeu do comunicador Cirilo Reis o apelido de "O Rei do Flash Back", devido a seus conhecimentos em diferentes gêneros musicais.

Criando uma ligação para um verbete[editar]

Ao editar um artigo já existente, para que uma palavra ou expressão seja considerada uma ligação para outro artigo, você deve colocá-la entre colchetes duplos, como no [[exemplo]]. Esse procedimento é conhecido como "wikificação". Quando você salvar o artigo, a palavra em questão tornar-se-á, automaticamente, em uma ligação para um artigo - se ele já existir - ou então será marcada com a cor vermelha, como mencionamos acima.

Uma segunda maneira de criar novas páginas[editar]

Há uma maneira alternativa de se criar uma nova página. Vá até a barra de endereços de seu navegador e digite o endereço completo da nova página a ser criada. Esta aqui, por exemplo é http://pt.wiktionary.org/wiki/Ajuda:Guia_de_edi%C3%A7%C3%A3o/Como_criar_uma_p%C3%A1gina. Para criar uma página para, por exemplo, sobrenome, substitua Ajuda:Guia_de_edi%C3%A7%C3%A3o/Como_criar_uma_p%C3%A1gina por sobrenome e tecle enter. O resultado deve ser algo assim: http://pt.wiktionary.org/wiki/sobrenome. Ao surgir a tela com a mensagem (Não há atualmente nenhum texto nesta página), clique na aba editar e você será levado para a tela de edição, onde será possível redigir o verbete.

Direitos autorais[editar]

Tenha em mente que o Wikcionário é um dicionário livre. Todas as suas contribuições para a nossa base de dados serão automaticamente submetidas à Licença GNU de Documentação. Você só pode fazer isso se for o verdadeiro proprietário do copyright do material que tiver criado. Veja direitos autorais para maiores detalhes. Nunca adicione ao Wikcionário material que esteja sujeito a proteções de copyright sem a devida autorização do seu proprietário.